Orla da praia

Página 5 de 12 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Isabella Bittencourt em Qui Jul 21 2011, 10:05

- Eu não sei, como eu disse meus pais acreditam na minha inocência, ele ajudaram a freira me trazer para cá, meu pai tem muitos imóveis talvez ele consiga me deixar com um. A policia tem certeza que fui eu. O corpo dele nunca foi achado e havia sangue dele em minhas roupas e terra de baixo das minhas unhas. A coisa me arrastou pela terra. Eles acham que matei e depois enterrei seu corpo.

Ela disse olhando para as unhas curtas agora depois olhou para Nathalie.

- Sabe nos primeiros dias sofri muito antes de vim para cá. Os meus pais tentavam me esconder dos reportes, como eu disse eles são pessoas influentes e sei que agora eles estão sofrendo. Mas hoje eu tento ser forte. Eu não tive culpa, quando cheguei culpava minha, Afrodite, mas hoje nem ela eu culpo mais. Gabe tem me ajudado muito, ele se tornou um bom amigo. Mas acho que as coisas começaram a mudar.

Ela disse a ultima frase quase em um suspiro. Olhou para o copo em sua frente se lembrando de algo.

- Vocês bebem? Tipo, a não ser esse suco ruim?

Isa quando saiu de casa, lembrou de pegar algumas bebidas do bar do pai. Sorriu maliciosa, ela não sabia para onde os pais estavam a mandando e dependendo para onde ela iria, ela precisaria de muito álcool no sangue. Ela nunca tivera problemas com bebidas, mas nos últimos dias Isabella passava quase o dia todo com algo no sangue.

Isabella Bittencourt


Mensagens : 94
Data de inscrição : 11/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Qui Jul 21 2011, 10:32

"Eu não sei, como eu disse meus pais acreditam na minha inocência, ele ajudaram a freira me trazer para cá, meu pai tem muitos imóveis talvez ele consiga me deixar com um. A policia tem certeza que fui eu. O corpo dele nunca foi achado e havia sangue dele em minhas roupas e terra de baixo das minhas unhas. A coisa me arrastou pela terra. Eles acham que matei e depois enterrei seu corpo. Sabe nos primeiros dias sofri muito antes de vim para cá. Os meus pais tentavam me esconder dos reportes, como eu disse eles são pessoas influentes e sei que agora eles estão sofrendo. Mas hoje eu tento ser forte. Eu não tive culpa, quando cheguei culpava minha, Afrodite, mas hoje nem ela eu culpo mais. Gabe tem me ajudado muito, ele se tornou um bom amigo. Mas acho que as coisas começaram a mudar."

Isa ficou pensativa quando disse que as coisas começaram a mudar e eu fiquei praticamente confusa 'O que ela queria dizer com isso?' provavelmente ela não me responderia se eu perguntasse então me concentrei na sua proxima pergunta.

"Vocês bebem? Tipo, a não ser esse suco ruim?" disse fazendo cara feia para o copo em sua mão. "Huum, não. No acampamento não é liberado, são todos menores de idade e precisamos estar sempre bem para os treinamentos." disse a ela acrescentando logo depois "Bom não sei se alguém traz alguma bebida escondida na mala, provavelmente sim, mas nunca vi nenhum caso de campistas serem pegos. Mas olha" disse ficando séria "Nem pense em beber por aqui, isso não vai ajudar em nada você a esquecer seus problemas e a passar esses três meses bem, isso eu te garanto, o melhor que você tem a fazer é enfrentar as coisas por mais difícil que seja, vai por mim."

Ver a Isa nessa situação me lembrou de quando cheguei aqui, após a morte de minha tia e de saber que foi praticamente por minha causa, se eu não estivesse com ela, ela ainda estaria viva e as coisas seriam diferentes. Me lembro de ter chego aqui e me isolado de todos o que não foi nada bom para superar, mas tudo ficou mais fácil quando Lucas chegou..Lucas foi meu porto seguro e devo tudo a ele. Isa se parece muito comigo quando cheguei aqui, situações parecidas, pensamentos parecidos, Gabe parece ser seu porto seguro e eu..eu estaria aqui para ajuda-la como Lucas fez comigo.




avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Alice Hathaway em Qui Jul 21 2011, 10:47

- Desculpa Alice. Mil desculpas. Eu não tenho direito de te magoar. – Mas ele tinha, ela sabia que, se alguém no mundo tinha o direito de magoá-la, esse alguém era ele. Ela se afastou dele, relutante. Tinha certeza que nunca mais sentiria esse abraço. Deu graças à Deus porque usava maquiagem à prova d’agua agora. Colocou as mãos no rosto, desolada, com vergonha por ser quem ela era.
- Eu... me desculpe, Gabe. Eu era estúpida – eu sou estúpida. Eu... estava encantada demais com a idéia de ser filha de Afrodite. Eu poderia ter qualquer um. Eu achei que isso me faria ser uma pessoa melhor, mas não. Me fez pior. Eu falei aquelas coisas pra você simplesmente querendo impressionar minhas “amigas”. Eu não sabia o quanto te machucaria. Eu achei que você não ligaria. – Ela chorou, exasperada. – E então eu fui atrás de você no seu Chalé, mas você não quis falar comigo. Eu fiz isso, fui atrás de você, quatro dias seguidos. Mas você me ignorava e eu achei que, com o tempo, você esqueceria e viria atrás de mim. Mas não aconteceu, é claro. Então eu desisti... – Ela respirou fundo, trazendo as memórias à tona, sem encará-lo. – Eu percebi que você não voltaria. Eu senti a necessidade de provar para mim mesma que eu poderia ter qualquer um. – O rosto de Alice estava amargo agora. – E eu fiz, Gabe. Eu provei. Eu poderia ter qualquer um, mas não quem eu realmente queria. – Ela finalmente tomou coragem para encará-lo. – Mas tudo bem, eu já me conformei. Essa é a minha maldição por ter sido – por ser – uma pessoa tão ruim. – Ela sorriu, como se tudo isso fosse uma grande piada, amarga, pesarosa. – E você pode voltar para Isabella agora. Ela realmente é diferente de mim. Mas realmente não é exatamente o que você pensa. Só espero que ela não te machuque.

_________________
... I need a superhero, cause I am just a girl
Alice Hathaway :: Filha de Afrodite :: 16 anos

"Pensamentos" | Falas próprias | Falas de outros personagens
avatar
Alice Hathaway


Mensagens : 75
Data de inscrição : 24/06/2011
Idade : 20
Localização : Acampamento Meio-Sangue.

Ver perfil do usuário http://www.twittpotter.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Isabella Bittencourt em Qui Jul 21 2011, 11:01

Isabella olhou para Nathalie.

- E o que vai ajudar Nathe? Parou um pouco olhando. Fez uma careta. -Posso te chamar assim neh?
Isabella si auto-analisou. O que mais poderia acontecer? Ela havia perdido tudo. Olhando bem ela na verdade havia perdido a vida superficial dela. E agora ela voltava a ser a garota do orfanato, isso a quase a fez sorrir.
- Eu perdi tudo quando vim para cá e quando acho que estou ganhando algo, eu perco de novo como água entre meus dedos. Aqui não é minha casa e eu não sei

Ela sabia que talvez parecia uma louca dizendo isso.

- Mas agora eu preciso ir ao meu quarto pegar algo. Olhou para o copo pensando como seria misturar destilado nesse suco, fez uma careta. Antes ela pegaria outro suco ou

Tonica. Nathalie a olhava preocupada, ela sorriu encorajando a garota. Ela olhando agora Nathalie percebeu o quanto ela era bonita e meiga.

- Vai ficar tudo bem. Ela não sabia si falava isso para ela mesmo ou para Nathe desfazer a cara de preocupação
avatar
Isabella Bittencourt


Mensagens : 94
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Qui Jul 21 2011, 11:17

"E o que vai ajudar Nathe?Posso te chamar assim neh?" eu assenti "Eu perdi tudo quando vim para cá e quando acho que estou ganhando algo, eu perco de novo como água entre meus dedos. Aqui não é minha casa e eu não sei" disse Isa, imaginei que ela falava sobre Gabe e Alice, mas como responder algo assim.

"Mas agora eu preciso ir ao meu quarto pegar algo." a encarei analisando o que ela realmente queria dizer. "Vai ficar tudo bem" disse Isa, a frase ficou no ar. Ela sorriu, se levantou e seguiu para a mesa pegando mais um copo de suco e uma tônica e seguiu para o chalé de Afrodite.

Fiquei observando Isa sair 'E agora o que eu faço?' olhei em volta e nem sinal do Gabe, me virei para Gabriel e disse "Ja volto, vou atras dela, não estou com bom pressentimento sobre isso" Isa ja chegava aos chales, me levantei e corri atrás dela.



ENCERRADO

OFF: continua no chale de Afrodite
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabriel Tenebræ em Qui Jul 21 2011, 11:26

Então, nesses ultimos minutos eu fiquei de fora das conversas, e tomei um pisão no pé da Natalie, o que realmente doeu.

Eu fiquei quieto enquanto Alice e Gabe saiam para acertar os problemas, e quando Natalie começou a perguntar para Isa como ela ficou sabendo que era uma semideusa eu desviei meu lohar para outro lugar, ja tinha ouvido aquela história, sabia que era triste para ela, então tentei não fazer mais pressão, Natalie ja "fizera o suficiente".
Depois que elas terminaram de conversar eu dei graças aos deuses, pois ja estava cansado de ficar lhando para o nada com cara de troxa.
Algum tempo depois as duas se retiraram, não sei bem o motivo, mas eu pensei.
"Dane-se, eu vou nadar!"
Retirei minha camisa e meu chapéu. A todos, filhos de Hades não são branquelos e moles, ok? Pelo menos eu não era, eu sempre tive os musculos desenvolvidos, não era que nem um fisiculturista, mas era "sarado''.
Fiquei observando as meninas indo embora, tirei meus chinelos(deixando tudo na mesa), e fui caminhando lentamente para o mar.

Encerrado por enquanto
avatar
Gabriel Tenebræ


Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabe Trevisan em Qui Jul 21 2011, 12:31

É o Maximo que você consegue fazer? Eu disse encarando Alice. - Se eu não me importasse eu não teria vindo aqui. Eu não entendo Alice, ao mesmo tempo em que você diz que gosta você me manda ir com Isa.

Minha raiva estourou, eu perdi o senso de tom de voz, perdi a cabeça, meus punhos ficaram fechados ao lado do meu corpo.

- É isso que você quer? Você quer que eu volte lá? Qual é? As perguntas saíram de meus labios em tom de acusação. - Antes dela chegar você nem ao menos olhava para mim e agora decidiu que me ama? Ou talvez você tenha caído na real que não mais a dona do pedaço. E me ver com ela tenha ferido seu ego. Você amava me ver arrastando sob seus saltos Alice. Si você me ama tanto, então por que esperou eu te esquecer?

Olhei para os lados, molhando meus labios secos. Suspirei lembrando dos olhos de Isa quando havia visto nós abraçados.

- Eu não vou voltar com a Isa, porque ela sumiu. Porque se não eu voltaria.

Eu suspirei tomando ar. Baguncei o cabelo com as minhas mãos.

- Quando você resolve falar sincero e sem mudar de idéia no fim, com medo de sE rebaixar. Você me procura. Porque eu não estou afim dessas suas mudanças repentinas de humor.

Eu sabia que estava sendo rude, mas eu estava cansados dos humores repentinos dela, em um segundo ela me amava e depois me mandava ir com outra. Eu tentava entende-la mais era quase impossível.
avatar
Gabe Trevisan


Mensagens : 62
Data de inscrição : 12/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Alice Hathaway em Qui Jul 21 2011, 13:37

Alice balançou a cabeça. Ele não entendera nada. A raiva ferveu dentro dela.
- Você não entende? - Ela disse, mais alto do que deveria, quase gritando, os olhos ardendo em lágrimas. - Eu sempre te amei, Gabe! Sempre. Mas eu sabia que não podia... Que não tinha o direito... Eu estava apenas tentando fazer a coisa certa, porque eu sei que não o mereço! - Baixou o tom da voz e levantou o olhar para o dele. - E continuo não merecendo, eu sei disso, Gabe, mas... - ela desviou o olhar para o mar - dói. É difícil vê-la com outra. Principalmente uma irmã. Você sempre recebeu milhares de cantadas de muitas campistas, mas nunca uma de Afrodite, você não percebeu? Nunca se perguntou porquê? Não mexer com você era praticamente uma das regras mais importantes no nosso Chalé. Todos eles sabiam o que eu sentia. Vários se ofereceram pra falar com você, mas eu nunca permiti.

_________________
... I need a superhero, cause I am just a girl
Alice Hathaway :: Filha de Afrodite :: 16 anos

"Pensamentos" | Falas próprias | Falas de outros personagens
avatar
Alice Hathaway


Mensagens : 75
Data de inscrição : 24/06/2011
Idade : 20
Localização : Acampamento Meio-Sangue.

Ver perfil do usuário http://www.twittpotter.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabe Trevisan em Qui Jul 21 2011, 14:23

"Vem cá. Eu disse puxando para os meus braços novamente. Sussurrei ao seu ouvido. Sua irmã não esta me cantando. Para fala bem a verdade eu acho que Isa me vê mais como um amigo que ajudou ela quando ela precisou do que algo mais.
Pensei nas palavras que ia dizer a ela.

" Mas Alice eu não posso fingir que nada aconteceu isso seria brinca com meus sentimentos e com o seus. A única coisa que te peço é que não fique mais brava comigo e nem suma de mim. Eu odeio quando você passa por mim e finge que eu sou um objeto."

Controlei minha raiva, mexendo no cabelo dela. O loiro pálido estava brilhando no sol.
"Vamos tentar de novo, mas agora do jeito certo. Vamos devagar, agente começa sendo amigos de novo."

Eu pensei em Isabella.

"Eu não vou mentir, eu estou sentindo algo coisa pela sua irmã. E não sei o que é. Tudo bem se você não quiser, mas nem falar comigo. Mas ao menos fui sincero. Chega de mentiras, chega de mascaras. Chega de se passar por forte."
avatar
Gabe Trevisan


Mensagens : 62
Data de inscrição : 12/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Alice Hathaway em Qui Jul 21 2011, 14:47

Alice fechou os olhos, aproveitando aqueles momentos junto à ele. O que ele pedia era razoável, e Alice prometeu a si mesma que tentaria de novo, e dessa vez, faria tudo certo. Ela olhou para cima, ainda com os braços dele à sua volta e não pode deixar de notar o quão próximo seu rosto estava do dela, mordeu o lábio.
- Tudo bem... - Ela disse relutante. - Amigos, então. - Deu um sorriso fraco. - Parece bom para mim. E me perdoa, ok? Eu juro que vou fazer tudo certo dessa vez.

_________________
... I need a superhero, cause I am just a girl
Alice Hathaway :: Filha de Afrodite :: 16 anos

"Pensamentos" | Falas próprias | Falas de outros personagens
avatar
Alice Hathaway


Mensagens : 75
Data de inscrição : 24/06/2011
Idade : 20
Localização : Acampamento Meio-Sangue.

Ver perfil do usuário http://www.twittpotter.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabe Trevisan em Qui Jul 21 2011, 15:38

"Então, eu sinto muitíssimo por ter deixado você triste. E eu te desculpo"

Seu batimento cardíaco acelerou e ficou mais alto que antes e o ritmo ficou abruptamente destacado, eu podia senti-lo em seu corpo perto do meu. Seus olhos se abriram um pouco, parecendo atordoados.

Eu dei um meio-sorriso.

Minha respiração acelerou e, de repente, o silêncio entre nós parecia zunir, seus labios estavam perto do meu. A pulsação corrente passou entre nós, e meu desejo de beijá-la era, brevemente, mais forte que o qualquer outra coisa.
A pulsante eletricidade me sentir como se eu tivesse em uma caixa de som em volume maximo. Meu corpo cantou com isso. Eu me senti quase… perfeito. Mais que qualquer coisa no mundo, eu queria sentir os lábios dela contra os meus. Por um segundo, eu lutei desesperadamente para encontrar a força, o controle, para poder colocar minha boca tão perto de sua pele.

Ela sugou uma quantidade enorme de ar e só então eu percebi que quando minha respiração acelerou, ela parou de respirar no mesmo momento.
Eu fechei meus olhos, tentando quebrar a conexão entre nós.
Sem mais erros. Eu pensei, me afastei de Alice.

“Então vamos voltar a festa, Isa sumiu então você não precisa ficar com cara de brava.”
avatar
Gabe Trevisan


Mensagens : 62
Data de inscrição : 12/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Sex Jul 22 2011, 11:39

Enchi meu copo com whisky no quarto de Isa e nós três saimos em direção a praia. Lucas foi andando no meio de nós duas, provavelmente para nos segurar se uma de nós pisassemos em falso. Isa parecia estar "tão alta" quanto eu, mas nós decidimos no caminho que não deixariamos as pessoas perceberem que haviamos bebido, não sei se realmente iria dar certo, mas a intenção era essa.

Chegamos a praia e fui direto para a mesa pegar algo para comer, peguei a primeira coisa que vi pela frente e depois fui me sentar com Lucas e Isa. Olhei para o lado e vi Alice e Gabe que ainda conversavam. Me sentei ao lado de Isa que se apoiou em mim e tentei prestar atenção no que Isa e Lucas conversavam, os dois oharam para mim. "Ok, se vocês quiserem eu vou dar uma volta. Não sei qual é o assunto mesmo" disse dando de ombros e me equilibrando na cadeira.
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Isabella Bittencourt em Sex Jul 22 2011, 12:35

-Hammmmm. Isabella disse levando as mãos ao cabelo. - Eu não lembro o que eu disse, eu nem lembro o que eu tava falando.

Ela estreitou os olhos para o mar.

- Eu to muito bêbeda ou tem um louco nadando? Ela estreitou mais ainda os olhos. - Olha gente gabriel ta nadando, vou lá nada com ele. Ela si levantou, mas Nathe segurou seu pulso. Sua cabeça girou a paria inteira fico embaçada quantos copos ela havia bebido. ela decidiu ficar em pé

- Eu não vou me sentar mais não, já que não posso sentar eu vou dançar. Agarrei o braço de nathalie a levantando atravessei a mesa chegando ate Lucas.

-Vem bonito, vamos dançar, eu só não posso pular muito. Meu vestido.

Ela disse tirando a rasteirinha colocando os pés na área.
avatar
Isabella Bittencourt


Mensagens : 94
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabriel Tenebræ em Sex Jul 22 2011, 14:32

A agua do mar estava realmente "boa". Eu não sei quanto tempo eu havia ficado ali boiando, pensando em nada. Até que veio uma onda e me afundou. Eu levantei cuspindo aquela agua salgada e olhei para a praia. Isa e Natalie tinha voltado e traziam um rapaz junto delas, que poderia ser Lucas.
Eles não pareciam estar normais. Eles pareciam estar "loucos", sabe? Meio "na brisa". Dai eu me lembrei que Isa reclamou que não tinha bebidas alcoolicas na festa.
"Aaah merda!",pensei, "Não acredito que eles fizeram isso!"
Sai do mar e fui em direção deles, estava molhado e sem camisa, mas não importava.
Cheguei perto deles e disse:

-Ola! A "festa" no chalé de Afrodite devia estar boa, não é?
avatar
Gabriel Tenebræ


Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Sex Jul 22 2011, 14:52

"Eu não vou me sentar mais não, já que não posso sentar eu vou dançar." Isa se levantou me puxando com ela. "Vem bonito, vamos dançar, eu só não posso pular muito. Meu vestido." disse Isa para Lucas, ele ficou olhando para nós duas que estavamos rindo e então cada uma pegou ele por um braço e o levantou.

"Não sei como você vai conseguir dançar com esse vestido Isa, mas tudo bem" disse apontando para o vestido de Isa que não tampava quase nada. Nessa hora Gabriel chegou perto de nós dizendo. "Ola! A "festa" no chalé de Afrodite devia estar boa, não é?"

Eu e Isa assentimos e depois eu disse "Ah sim, nós conversamos bastante sabe, a isa contou sobre a vida dela antes de vir para cá, não é Isa?" ela me olhou rindo, provavelmente se lembrando do nosso combinado e balançou a cabeça concordando.
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabriel Tenebræ em Sex Jul 22 2011, 15:00

"Ah sim, nós conversamos bastante sabe, a isa contou sobre a vida dela antes de vir para cá, não é Isa?"

Eu tive vontade de rir quando ela disse isso, mas consegui segurar.
-Aah, ok então -disse- Então deve ter sido uma vida muito emocionante para voces estaram tão "alegrinhas" assim. Olha, eu vou só dar um conselho, ok? È melhor voces pararem por ai,- diminui o tom de voz- com as bebidas. Voces não querem ser expulsas do Acampamento, não é?- terminei essa frase rindo, não consegui aguentar. Elas estavem realmente bebadas!
"Meus deuses",pensei.

avatar
Gabriel Tenebræ


Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Alice Hathaway em Sex Jul 22 2011, 15:29

- Então, eu sinto muitíssimo por ter deixado você triste. E eu te desculpo. – Alice deu um sorriso, e mordeu o lábio. Voltando a olhar para Gabe, percebeu o quão próximos eles estavam. Seus lábios estavam há apenas alguns poucos centímetros dos dele, era como se algo – uma força maior – os atraísse; e por alguns instantes, Alice achou que finalmente, finalmente, eles fossem se beijar, ela fechou os olhos. Mas não. Gabe se afastou abruptamente e Alice apenas suspirou, conformada, abrindo os olhos. - Então vamos voltar a festa, Isa sumiu então você não precisa ficar com cara de brava. – Ela sorriu para ele.
- Eu não estou com cara de brava. – Fingiu se irritar, mas depois riu. – Vem, vamos. – Puxou ele pela mão, indo em direção ao buffet. – Eu estou com fome. – Em anos, esse era o melhor humor de Alice. Ela anotou mentalmente o fato de dar um abraço em Isabella à noite, quando retornassem ao Chalé.

_________________
... I need a superhero, cause I am just a girl
Alice Hathaway :: Filha de Afrodite :: 16 anos

"Pensamentos" | Falas próprias | Falas de outros personagens
avatar
Alice Hathaway


Mensagens : 75
Data de inscrição : 24/06/2011
Idade : 20
Localização : Acampamento Meio-Sangue.

Ver perfil do usuário http://www.twittpotter.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Isabella Bittencourt em Sex Jul 22 2011, 15:37

Isabella sorriu irônica para Gabriel.
- Eu faço o que eu quiser da vida, não é você quem vai me dizer o que fazer ou não. E outra se eu sobrevivi ate agora lá fora, não vai ser hoje que vou ter medo.
Ela olhou para o garoto a sua frente, quem ele achava que era para falar com ela assim, ele nem a conhecia direito. A vadia tinha voltado.
- E outra eu não me importo com o que você acha garoto, nem com o que você pensa. E para falar a verdade nem sabia que você tinha conhecimento sobre o que era beber.
O sentimento bom que Isabella tinha pelo garoto se evaporou.
- Você não é melhor que ninguém aqui. E si você acha que não é certo fazer o que agente faz. Então cuida da sua vida.
A bebida fazia com que ela ficasse agressiva. Ela chegou mais perto do garoto.
-Mas alguma coisa a dizer Gabriel? Ou vai fugir?
avatar
Isabella Bittencourt


Mensagens : 94
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabriel Tenebræ em Sex Jul 22 2011, 15:54

- Eu faço o que eu quiser da vida, não é você quem vai me dizer o que fazer ou não. E outra se eu sobrevivi ate agora lá fora, não vai ser hoje que vou ter medo.

Eu me surpreendi.

- E outra eu não me importo com o que você acha garoto, nem com o que você pensa. E para falar a verdade nem sabia que você tinha conhecimento sobre o que era beber.

Novamente abafei um riso.

- Você não é melhor que ninguém aqui. E si você acha que não é certo fazer o que agente faz. Então cuida da sua vida.
- Mas alguma coisa a dizer Gabriel? Ou vai fugir?

Ta bom... Dessa vez eu não aguentei. Deixei escapar a gargalhada maniaca. Não contei dela pra voces não, é? è a minha risada descontrolada.

- Desculpa pela risada, ela escapa as vezes - disse com um sorriso- Ora, desculpe então Isa! Eu só queria ser seu amigo! Mas tudo bem, eu não me intrometo mais na sua vida. E sobre fugir... Fugir pro meu chalé? Não... Agente vai conviver aqui durante uns meses, então eu não quero brigas. E desculpe, eu não consigo sentir medo. Com licença, mas eu vou voltar para mesa onde estavamos sentados. Tomara que nenhum filho de Hermes tenha pego minhas coisas!

Sai dando um sorriso para as garotas.

avatar
Gabriel Tenebræ


Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Lucas Boulevard em Sex Jul 22 2011, 15:59

Lucas cruzou os braços no peito, olhando Gabriel com ar superior. Ele não estava nem um pouco bêbado, tinha tomado apenas um copo de whisky e ele era extremamente resistente à alcool. Gostaria de poder dizer isso á respeito das garotas, porém. Natalie estava completamente chapada, e Izzie - o apelido carinhoso que arrumou para Isabella - bastante alterada. Elas, contudo, já eram bastante crescidas para saber o que estavam fazendo e sabiam dos riscos que corriam, Natalie especialmente, por estar há tantos anos no acampamento. Quando Gabriel falou, Lucas se irritou, mas antes que pudesse respondê-lo, Isabella o fez. De um modo mais mesquinho do que ele teria feito, mas mesmo assim, talvez fosse só o efeito do alcool; algumas pessoas ficavam agressivas quando bêbadas. De qualquer forma, Lucas passou uma das mãos pela cintura da garota e a afastou do garoto de Hades.
- Ei, ei, calma. - Falou. - Sei que ele errou ao dizer aquelas coisas, mas não precisa ser tão rude, certo? - Disse suavemente, e então olhou para a irmã. - Vêm, vocês duas. Vocês precisam comer e se sentar. Não dá pra ficar segurando as duas. - Olhou para Isabella. - E nada de dançar. Você mal aguenta andar. - Puxou-as para a mesa mais próxima.
avatar
Lucas Boulevard


Mensagens : 48
Data de inscrição : 11/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Sex Jul 22 2011, 16:17

Isa ficou irritada com o que Gabriel falou e o respondeu de uma forma que ela ficou bem parecida com sua irmã Alice. Gabriel tentou segurar o riso, mas não conseguiu. Coloquei a mão na cintura começando a ficar brava. Isa ficou tensa e já ia responder novamente Gabriel quando ele se afastou de nós e Lucas puxou Isa para longe de Gabriel

" Ei, ei, calma.Sei que ele errou ao dizer aquelas coisas, mas não precisa ser tão rude, certo?" disse Lucas para Isa "Vêm, vocês duas. Vocês precisam comer e se sentar. Não dá pra ficar segurando as duas.E nada de dançar. Você mal aguenta andar." Eu o olhei de cara feia "Não preciso que me segure Lucas posso muito bem me cuidar sozinha, não enche" disse a Lucas. Ele então me puxou e me fez sentar junto com a Isa. Cruzei os braços e continuei de cara feia para Gabriel e Lucas, depois comecei a cair na real e ver o que havia acabado de dizer para meu irmão, fui rude e eu não era assim, muito menos com Lucas, ele não merecia isso e provavelmente ia ficar bravo comigo por um bom tempo. Fiz bico segurando o choro 'Maldita bebida', me levantei com a desculpa de pegar um suco, parei na mesa, respirei fundo engolindo o choro e voltei a me sentar perto de Isa e Lucas.
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Isabella Bittencourt em Sex Jul 22 2011, 17:02

- Que foi?
Peguntou a Nathe quando ela si sentou.
- Ta querendo chora bonita? Relaxa não liga para ele não já desestrai. Hey bonito, obrigada por me defender não defendendo.
Ela deu uma risada a bebida já estava passando o efeito procurou por Alice e Gabe com os olhos eles conversavam animadamente, deu um sorriso. Olhou para Nathe.
- Porque eu estou feliz, sendo que eles tão juntos?
Disse fazendo um bico e pegando um fruta do prato que Nathe trouxe. Sera que era possivel gostar de dois caras? Ela olhou para Lucas, nãoooooo ela não gostava dele. Ela não gostava de ninguem.
Suspirou dando uma mordida na maça!
avatar
Isabella Bittencourt


Mensagens : 94
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Sab Jul 23 2011, 15:55

“Porque eu estou feliz, sendo que eles tão juntos?” disse Isa olhando para onde Alice e Gabe estavam e fazendo bico. Olhei na mesma direção que ela, Alice e Gabe parece que haviam se entendido, sem mais brigas, eu acho. Suspirei.

“Eu não sei Isa, eu realmente não sei. Talvez lá no fundo apesar de você e a Alice não se darem bem você não quer a ver infeliz e ela se entender com Gabe esta na sua lista, mas eu tenho a impressão de que eles pararam com as brigas e não que estejam juntos. Talvez você também tenha percebido a mesma coisa e isso não te afete de uma forma negativa, mas sim positiva ou talvez você ainda não saiba exatamente o que quer.”
Dei uma olhada para Lucas sentado ao lado de Isa e desviei o olhar para a praia. Conversaria com ele depois, apesar de eu odiar ter dito o que disse a ele, mas a bebida ainda fazia efeito e se eu fosse falar qualquer coisa agora eu provavelmente choraria e ai o Lucas iria querer me matar mesmo. Ele poderia me dar a bronca que fosse depois, eu aceitaria.
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Gabe Trevisan em Seg Jul 25 2011, 09:21

Foi difícil decidir se eu caminhava ate Isabella e perguntava que porcaria ela estaria fazendo ou se eu socava a cara de Lucas. Ou talvez eu fosse lá e arrebentasse o menino Gabriel. Eu não tinha nada contra ele, mas ao ver o estado que ele havia deixado Isabella era quase um tormento a mim. Tirei meus olhos do grupo voltando minha atenção a Alice, ainda havia ela, eu tinha total absoluta certeza que ela ficaria furiosa se presenciasse eu em uma tentativa de defender sua irmã, mas odiava ver Isabella com Lucas, era assistir meu corpo se auto remoer. Suspirei tentado acalmar meus nervos.

Eu queria ir ate ela, perguntar o que estava acontecendo. Perguntar onde ela pensaria que poderia ir com a aquele vestido mínimo. Eu sou obrigado a admitir que ela estava radiante, a pele dela brilhava no sol poderia ser o suor do corpo ou a cor azul do vestido de seda fina o cabelo caia em uma perfeição quase magnética pela sua costa nua, as pernas era torneadas e ate mesmo os pés descalços parecia perfeito para ocasião. Mas assim como meus olhos caiam feitos meteoros encima dela, outros caras também a olhava ate mesmo os filhos de Hipnos não pareciam tão com sono enquanto olhava ela em pé perto da mesa. Minha fúria cresceu, eu lutava contra minha raiva que levava a violência há anos. Os filhos de Ares eram reconhecidos por serem baderneiros e briguentos, meus irmãos causavam a discórdia no acampamento, algumas pessoas tinham medo de nós. Eu havia perdido o senso muitas vezes. Eu já havia matado, mesmo depois de entrar no acampamento. Tentei tirar os pensamentos da minha mente.

- Tem algo acontecendo. Ela não esta normal, quer dizer elas não estão. Eu disse alto, havia me esquecido da Alice olhei para ela uma expressão de dor, ela olhava para Isabella. - Desculpa Alice. Dei uma pausa olhando Isabella, ela conversava com Lucas, seus olhos caíram em mim por alguns instantes eles estavam vermelhos, ela estaria chorando? Ou eu havia visto raiva, ela estaria com raiva de mim? Mas ela havia me feito falar com Alice, mordi os labios forte, sentindo gosto de sangue e de ferro, eu não entendia o que estava sentindo era estranho eu queria chegar lá e arrancá-la de perto do Lucas e dizer a ele que ela não seria mais uma de seus fantoches que ele usava de depois deixava de lado. Voltei minha atenção a Alice, comecei a falar hesitante, moderando as palavras. - Eu me importo com ela, e ela não esta normal preciso ver o que ta acontecendo. Dei outra pausa.

- Você vem?

Eu olhei para Alice. Ela era o sol do acampamento, era irônico vê-la apaixonada por mim, um filho de Ares, nos aprendemos a dizer que éramos guerreiros, mas sabíamos que na verdade esse era um termo figurativo, que mascarava quem na verdade éramos. Éramos rudes, grosseiros, violentos e amávamos ver sangue escorrer. Eu lutava contra isso, mas desde criança havia aprendido a matar. Analisei suas afeiçoes de anjo a pele branca e cabelo cor de ouro eu me perguntava que horas as asas sairiam de suas costas. E por outro lado se ela era o sol. Isabella era a lua os cabelos negros abraçavam sua pele branca, eu poderia deitar em seu colo e esquecer quem eu era e ate mesmo esquecer de acordar. E eu presenciava e participava de um Eclipse.
avatar
Gabe Trevisan


Mensagens : 62
Data de inscrição : 12/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Isabella Bittencourt em Seg Jul 25 2011, 11:25

- Eu não tenho nada contra ela. Disse bebendo o resto de vodka que havia trazido no copo. Ela havia esquecido o que havia acontecido com Gabriel ou simplesmente decidiu ignorar.

- Eu ate me acostumei com a idéia que agora tenho irmãs e irmãos sabe. Mudou seu pensamento para Gabe. - Eu realmente quero que ele fique bem, independe de com quem ele esteja eu gosto de Gabe, não sei ainda definir a que ponto isso chega mas eu gosto. E também sei que provavelmente ela gosta mais dele que eu. Ela tem mais direito que eu. Eu me senti como uma intrusa em seu mundo.

Abaixou a cabeça suspirando, tentou por alguns instantes medir o peso de suas palavras, ela tentava pensar nas palavras que falaria para Gabe quando ele tentasse falar com ela, ela o conhecia como si fizesse anos que os dois estavam um perto do outro, ela sabia que cedo ou tarde ele perguntaria qual era a intenção dela quando ela fez os dois conversarem. Ela tentava calar a voz que gritava em seu ouvido que ela devia correr para ele e deixar que ele a abrasasse e levasse ela para longe. Ela tentava trazer imagens do seu ultimo relacionamento, encorajando seu coração que simplesmente não daria certo, era ela trouxe as imagens que tentava esquecer antes de dormir todos os dias, era uma tortura era brincar como masoquista, mas ela precisava lembrar-se de como foi difícil, a porta sendo arrancada invadiu seu pensamento os gritos abafados de Alec de repente a deixaram quase surda. O corpo lavado de sangue sendo arrastado pela terra, os olhos verdes a imploravam por ajuda, ela se viu correndo pela terra em direção ao corpo, mas ele estava sendo arrastado com tanta rapidez que era quase impossível,a cada tronco de arvore pelo caminho a cada obstáculo que o corpo de Alec passava era uma pancada a mais o corpo parecia um boneco de tecido ate que ele desapareceu da sua visão. Ela balançou a cabeça afastando o pensamento.

- Preciso parar de tomar isso. Disse empurrando o copo para o meio da mesa.
avatar
Isabella Bittencourt


Mensagens : 94
Data de inscrição : 11/07/2011
Idade : 23

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Natalie Dion em Seg Jul 25 2011, 12:01

Isa olhou para onde Gabe estava e ficou perdida em pensamentos. Seus olhos se encheram de lágrimas e eu comecei a me preocupar. Seria lembranças do namorado ou seria por ver Gabe e Alice conversando.

"Preciso parar de tomar isso." disse colocando o copo em cima da mesa.

"Você esta bem Isa?" ela não olhou para mim, apenas acenou afirmando. "Tem certeza?" tentei de novo, dessa vez ela não me respondeu, seus olhos ficaram mais cheios de lágrimas e ela fez um bico.

Olhei para Lucas e perguntei sem emitir som "O que nós fazemos?"


OFF: desculpe o post minusculo e horrivel..to sem ideias Sad
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Orla da praia

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 12 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum