Chalé de Ares

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Seg Jan 16 2012, 13:52

Me senti feliz com isso, teria alguma chance de participar.
- Bom, tenho uma ótima mira, consegui acertar um garoto a 7 metros de distancia e isso com 8 anos de idade, sou dificilmente pega em jogos selvagens, nesse caso por meu pai acho que vale tudo caracteriza o meu gênero, sei o básico dos básicos sobre defesa pessoal
Enquanto falava senti um frio na barriga pois normal era algo bem díficil de dizer da minha vida, esperava uma reação diferente de Meggie enquanto ela colocava sua luva mais acho que ela já devia ter se acostumado comigo.
-Mais eu não sei bem...Nunca havia pego uma espada,lança,arco e flexa nem nada do gênero Meggie como eu vou fazer?- eu disse com as palavras presas sob minha boca enquanto esperava o medo ir a tona sob meus olhos maquiados.
Olhei o chão e o Sol batendo sob a terra, seria morta no trenamento eu quase tinha certeza, respirei fundo, mantive a minha coragem e voltei meu olhar em seu rosto enquanto ela respondia minha pergunta anterior, confesso que por um momento pensei que ela iria dizer desista agora mesmo.

Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Maggie Givens em Seg Jan 16 2012, 14:17

- Por sorte eu faço luta desde pequena, então pode se dizer que eu sou quase uma profissional.
Disse brincando, e dando uma risada logo depois.
- E também sei ensinar bem para novatos como você. Só respire fundo e faça o seu melhor sei que você irá se sair bem.
Falei dando um sorriso meio que encorajador, ela precisava tentar mesmo se quisesse ir para a missão.
- Mas primeiro precisamos de equipamento, e arrumar um jeito de eu pegar leve na luta.
Disse rindo ainda, era meio que uma brincadeira a última parte, mesmo sendo difícil de verdade eu pegar leve.
avatar
Maggie Givens


Mensagens : 214
Data de inscrição : 19/07/2011
Idade : 23
Localização : Em algum lugar!

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Seg Jan 16 2012, 14:39

Me senti um pouco mais feliz, estava louca para aprender a lutar, era engraçado a forma como Meggie era divertida, de uma forma estranha ela lembrava a minha mãe e isso deveria ser algo bom não e?
Coloquei meu celular sob o bolso, o sinal do acampamento não era tão forte mais 3 pinos de rede eram melhor que nenhum! Prendi o meu cabelo com uma piranha, coloquei meu all star preto sob meus pés.
Levantei da escada me coloquei de pé enquanto ela brincava de aquecimento profissional, começamos a andar sob as pedras que haviam para impor caminhos aos Chalés e fomos ate a Areá de treinamento.
Meggie era divertida enquanto andava, ela sempre contava um pouco sob ela mesma e como foi fugir do acampamento, no começo eu ate pensei nossa que maluca mais eu acho que depois que ninguém se importa tanto com você fugir pode ser uma boa escolha.
-E então que tipo de arma você usa?- perguntei enquanto iamos nos afastando da chalé.
Encerrado


Última edição por Sammi Scarllyt em Ter Jan 24 2012, 11:40, editado 1 vez(es)
avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Maggie Givens em Seg Jan 16 2012, 14:51

Que tipo de arma eu uso boa pergunta.
- Acho que praticamente tudo, Espadas, arco e flechas e a força bruta.

Digo, enquanto mais uma vez segurava meu cabelo com o vento, parecia que o vento daquele lugar tinha algum problema comigo e com meu cabelo.
- Mas acho que pelo que você disse, você irá se dar bem com arco e flecha, mas só poderemos descobrir treinando.

Digo rindo e indo até a área de treinamento.

ENCERRADO
avatar
Maggie Givens


Mensagens : 214
Data de inscrição : 19/07/2011
Idade : 23
Localização : Em algum lugar!

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Natalie Dion em Seg Jan 23 2012, 21:19

Depois que sai da enfermaria fui direto para o chalé pensar sobre a decisão que havia chegado e decidir como fazer. Falei com algumas pessoas que imediatamente concordaram em ajudar e os últimos três dias passei ajeitando as coisas e fazendo algo que não me orgulhava nenhum pouco...estava evitando ter que ver Gabe, tentei ao máximo ter que encontrá-lo por aí enquanto não resolvesse tudo, eu não era muito boa em mentir e se Gabe me questionasse por qualquer coisa, com aquela carinha de triste que ele andava eu iria acabar falando o que não devia, por isso evitei sair do quarto ao máximo. Olhei para meus irmãos que a essa hora da noite já dormiam, levantei me aproximando devagar da cama de Lucas e puxando sua bolsa que estava debaixo da cama para pegar o celular que eu sabia que ele trazia escondido na mala todos os anos. Dei graças aos deuses por Lucas ter um sono pesado senão eu estaria encrencada nesse momento, ele não me deixaria usar seu celular sem saber para que seria e bem eu não contaria a ele de forma alguma. Me tranquei no banheiro mandando uma mensagem para a pessoa que estaria me esperando do lado de fora do acampamento.

Está tudo pronto?
Esperei impaciente pela resposta que por sinal chegou logo em seguida. Desliguei o celular colocando-o no bolso e sai do chalé o mais silenciosamente possível. Cumprimentei alguns campistas que ainda seguiam para seus chalés e caminhei calmamente para a enfermaria. Havia me oferecido para revezar com um dos filhos de Apolo que estava ajudando a tomar conta de Dan e eu ficaria essa noite com ele, pelo menos era o que todos precisavam acreditar. Entrei na enfermaria dispensando o garoto que estava com Dan, esperei que ele fosse embora, enquanto isso fui arrumando algumas coisas na caixinha de primeiros socorros para o caso de precisarmos no caminho, assim já se passava alguns minutos e eu poderia garantir que todos tivessem voltado para seus chalés.

Andei até a porta olhando em volta, ninguém a vista, só faltava sair. Voltei para perto de Dan, parei fechando os olhos e suspirando, dei meia volta e saí da enfermaria em direção ao chalé de Ares. Eu não poderia sair dali, carregando Dan sem falar com Gabe primeiro, ele precisava saber o que eu faria e que tudo ficaria bem. Bati na porta do chalé e um dos filhos de Ares atendeu.
“Oi. Posso falar com Gabe?” o lado bom das pessoas te verem como uma garota boazinha é que nesse momento ninguém desconfiaria de que eu estava prestes a quebrar todas as regras do acampamento. Me mexi impaciente esperando Gabe que saiu minutos depois parecendo cansado e comecei a me sentir mal por estar jogando mais isso para cima dele, mas ao mesmo tempo dizia para mim mesma que isso era o certo a se fazer.

“Hei Gabe...desculpe te acordar é que eu precisava falar com você.” Olhei em volta para ter certeza de que ninguém escutaria e me aproximei um pouco mais de Gabe. “Sabe..é que..eeer..bem” como eu diria? Não havia pensado nessa parte, respirei fundo decidindo falar tudo de uma vez. “Bom é o seguinte, a alguns dias atrás ouvi alguns campistas conversarem e dizerem que a única chance de Dan se salvar seria levando ele para um hospital, então eu resolvi fazer isso, as escondidas, óbvio” dei uma nova olhada em volta ficando nervosa “eu estou indo essa noite, mais precisamente agora, só que eu não queria sair antes que você soubesse que vai ficar tudo bem com o Dan, eu vou levá-lo para um hospital de Nova Iorque e ele vai ser curado, tenho certeza...huum, eu só achei que você deveria saber.” Esperei Gabe processar o que eu faria torcendo para que ele não tentasse me impedir.
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Gabe Trevisan em Seg Jan 23 2012, 22:42


Mesmo sem ver sabia que meus passos lentos pela areia da praia deixavam um rastro, no céu o sol ainda estava forte, e podia ver no horizonte algumas nuvens escuras que se aproximavam indicando que uma tempestade estava prestes a acabar com a alegria de algumas garotas que tomavam sol deitadas na areia, um movimento me chamou a atenção para minhas mãos, nesse momento tive a plena certeza que estava sonhando já que Alice caminhava ao meu lado com nossas mãos entrelaçadas ela sorria maléfica olhando para frente, segui seus olhos, Isabella me encarava de longe em trajes de banho minúsculos.

A tempestade provavelmente havia chegado, já que o céu se tornou mais escuro gradualmente e provavelmente minha olhada para Isabella deve ter passado dos limites, pois Alice me chacoalhava pelos braços desesperada. Quando ela havia ficado tão forte? Meu sonho se dissolvia entre a realidade e ilusão.

-Gabe, cara acorda!

Abri meus olhos sonolentos para o campista que me encarava. Ele esperou pacientemente eu despertar por completo ate dizer as próximas palavras.

- Tem uma moça te chamando. – Sentei-me na cama, me sentindo confuso, cabalei ate a porta olhando Natalie. Ela batia um dos pés no chão e roia as unhas enquanto me esperava. Os olhos corriam de um lado para o outro. Foi ate engraçado vê-la ali naquele estado. Quando sai na porta fui obrigado a checar os dois lados de fora do chale, já que ela mesma não parava de olhar.

- Hei Gabe...desculpe te acordar é que eu precisava falar com você Sabe..é que..eeer..bem... Bom é o seguinte, a alguns dias atrás ouvi alguns campistas conversarem e dizerem que a única chance de Dan se salvar seria levando ele para um hospital, então eu resolvi fazer isso, as escondidas, óbvio eu estou indo essa noite, mais precisamente agora, só que eu não queria sair antes que você soubesse que vai ficar tudo bem com o Dan, eu vou levá-lo para um hospital de Nova Iorque e ele vai ser curado, tenho certeza...huum, eu só achei que você deveria saber.

Quando as palavras começaram sair de seus labios apresados eu quase tive que pedir que ela repetisse, mas no fim ela parecia relaxar. Processei a informação em alguns segundos olhando nos olhos dela.

- Você esta me saindo melhor que encomenda. Com quem você esta andando por ai? Só um minuto.

Virei-me entrando no chalé novamente, peguei pelo caminho a mochila jogada no chão, abri a gaveta colocando algumas coisas de Dan lá dentro, como documentos, roupas e ate mesmo coisas inúteis. Não sei o porquê, mas uma voz me disse que Natalie não havia pensado nisso, como ela internaria alguém sem nenhum documento? Peguei dois moletons provavelmente ficaria enorme nela, mas pelo menos ela não passaria frio.

Ninguém do chalé falou nada, o único acordado estava ocupado de mais socando um saco de areia posicionado no centro do chalé. Melanie havia saído para jantar e a novata havia rumores que deveria estar agarrada em algum menino por ai. Fui em direção a porta novamente sorrindo fraco para Natalie.

- Se quer realmente sair daqui logo precisamos nos apreçar. - Ela me encarou parecendo confusa. – Natalie como você vai sair com Dan daquele tamanho daqui? Você nem ao menos pensou em pegar os documentos dele. E eu jamais deixaria você perambular pela floresta à noite com um corpo nas costas. Sendo assim eu vou com você. E não seja rude e nem ao menos mal educada de dizer que não, afinal de contas estou-me auto convidando. Coloca isso.

Eu disse enquanto passava o moletom de capuz vermelho a ela.

avatar
Gabe Trevisan


Mensagens : 62
Data de inscrição : 12/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Natalie Dion em Ter Jan 24 2012, 01:18

“Você esta me saindo melhor que encomenda. Com quem você esta andando por ai? Só um minuto.”

Gabe entrou para o chalé novamente e eu fiquei do lado de fora atordoada, sem saber o que fazer..o que Gabe estaria fazendo? Peguei o celular olhando a hora, guardei no bolso da calça novamente recomeçando a roer as unhas. “Ótimo, acabei com o resto das minhas unhas.” Quando eu havia ficado tão fútil? Fiz uma careta voltando a minha atenção para Gabe que saia do chalé com uma mochila nas mãos.

“Se quer realmente sair daqui logo precisamos nos apreçar.” Parei olhando para Gabe, ele estava dizendo que iria junto? “Natalie como você vai sair com Dan daquele tamanho daqui? Você nem ao menos pensou em pegar os documentos dele. E eu jamais deixaria você perambular pela floresta à noite com um corpo nas costas. Sendo assim eu vou com você. E não seja rude e nem ao menos mal educada de dizer que não, afinal de contas estou-me auto convidando. Coloca isso.” Eh..ele realmente estava indo junto. Gabe me estendeu um moletom de capuz vermelho.

“Huum não serei mal educada e eu realmente não havia pensado nas roupas e documentos de Dan, apesar que mesmo se eu tivesse pensado não teria como pega-las escondidas certo? Não tenho habilidade para invadir chalés alheios e afanar as coisas dos outros...ainda.” Disse sorrindo e começando a andar com Gabe, olhei para o moletom e parei esticando-o à minha frente, olhando do moletom para Gabe “Isso é para mim? Esse moletom é seu ou de Dan? Bem não importa, você sabe que nunca servirá em mim certo?” ele me olhou como se dissesse, coloque e não discuta. Suspirei colocando o moletom que cabia provavelmente várias de mim dentro e segui Gabe que tinha recomeçado a andar em direção à enfermaria.

“Eu fiquei ridícula nesse moletom, tirando que ele não é lá muito discreto. Eu separei algumas roupas minhas e comida durante a tarde, pelo menos na ida acho que não teremos problemas, além de ter pego mais algumas coisas na mala de Lucas que eu prefiro não pensar no momento. Se eu não morrer no caminho, Lucas me matará depois, certeza.” Era isso que a tensão de que não desse certo fazia comigo, eu começava a falar e não parava mais, resolvi ficar quieta um pouco. O caminho para a enfermaria parecia mais longo essa noite.

Parei me dando conta das implicações que isso traria a Gabe também, nós já estavamos cientes do que nos esperava quando voltássemos, mas Gabe? Isso não seria nada bom para ele depois. “Gabe..você tem certeza que vai nessa junto? Você sabe as conseqüências disso neh? Não acho nada bom te meter em problemas.” Falando assim até parecia que ele era um cara que nunca havia feito nada errado na vida, mas isso não mudava o fato que eu estava me sentindo mal por ter tido essa ideia louca e envolver mais pessoas nisso. “Ok..você sabe...vamos.”


ENCERRADO
Continua na enfermaria

OFF: hora de arrastar o Dan o/
avatar
Natalie Dion


Mensagens : 165
Data de inscrição : 29/06/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Qua Jan 25 2012, 11:39

Comecei a andar ate o chalé de Ares esperando não haver ninguém la, por sorte não havia mesmo mais o chalé parecia anteriormente sido abitado por duas pessoas pois a cama estava bagunçada.

-Otimo!- pensei comigo mesma.

Fui ate minha cama e retirei a foto de minha mãe e os outros objetos jogando eles ate a outra cômoda vazia, aproveitei o momento e arrumei a cama que parecia desarrumada e percebi que era de algum garoto.

Peguei minha mala e a coloquei sobre a cama pois queria tomar um banho e retirar aquela maquiagem de meu rosto, procurei por alguma calça diz mais não a achava o que só me fez ter que escolher uma saia jeans e uma camiseta xadrez.

Fui tomar banho e confesso que a aguá parecia bem melhor o que me fez me sentir, aproveitei para lavar meu cabelo logo e passar o creme de pele. Esperei alguns segundos enquanto prendia o cabelo em um rabo de cavalo e arrumava minha maquiagem, sai do banheiro e tudo parecia normal por sorte novamente não havia ninguém.

Abri minha mala e lá encontrei um caderno velho que parecia um diário meio velho, comecei a folhear e percebi que ele era de uma tal Katherine Scarllet, o que me fez gelar. Comecei a ler um trecho que me pareceu muito convidativo.

"Hoje fui trabalhar no bar quando entrou pela porta um homem alto e muito belo, confesso que lhe uma boa olhada [...] Ele veio falar comigo, não quera suas cantadas pois já conhecia esse tipo de cara. Ele me pagou uma cerveja e me ofereceu uma carona mais eu não a aceitei e fechei meu expediente no bar indo direto ao ponto de ônibus [...] Droga! O ônibus não passou pois já era mais de 1:30 teria que ir a pé ate que o cara do bar me ofereceu uma carona, a aceitei ate porque se ele fosse um assassino nunca havia andado desarmada. Ele me levou direto para casa como prometido e percebi que ele diferente dos caras que conhecia, ele me perguntou se eu iria ao baile da cidade que confesso que não queria mais ele fazia um rosto tão dócil que foi dificil dizer não. [...] Fui ao baile com ele, confesso que nunca me diverti tanto... após o baile ele me levou para o lago onde se dava pra ver a lua cheia mais perfeita na cidade, ele me beijou e acabamos passando o resto da noite em Las Vegas uma cidade depois da minha! [...]nós divertimos muito ateque eu perdi o ar com o Eu te Amo . eu bebi muito e acabei sedendo a ele e fazendo a maior burrada da minha vida!"

Após essa ultima palavra não havia mais nada naquela folha provavelmente porque estava meio molhada, virei a folha procurando por outras ate que ache uma de 8 meses depois.

"Cheguei em casa cansada, não era mais a mesma estava muito enjoada e aquele bebezinho não ajudava pedindo mais e mais comida [...].Meu pai estava na minha casa, ele parecia muito bêbado e estava falando sobre morte e bebê demoníaco , meu pai me pediu desculpa e eu tentei chegar perto dele para tentar lhe acalmar mais ele agora levantava uma arma e havia me acertado, enquanto sentia a dor dentro de mim tive a certeza que havia visto ele me salvando da morte[...] Tive um relance das lampadas de um hospital,a enfermeira chamando o medico e ele soltando minha mão.[...] Acordei em um leito de hospital, a minha barriga estava vazia e isso me deixou confusa, provavelmente já havia dado a luz a criança e isso me fez pergunta qual o sexo dela era![...] Alguns minutos depois a enfermeira apareceu com o meu bebê era uma menina linda que lembrava o pai"

Passei algumas paginas novamente tentando achar algum relato sobre essa mulher que havia me dado a luz quando me vi sobre outra folha que pareciam de horas depois...

"Lembrei do que ele havia me contado e sobre o que era enquanto estavamos em Las Vegas, havia uma mulher que estava passeando pelo hospital procurando por nós, logo em seguida percebi que não poderia deixar aquela coisa pegar a minha criança e então coloquei sobre o pescoço dela o colar que havia ganhado de seu pai para que ele a protegesse [...]"

Passei minha mão sobre o colar em forma de coração, pela primeira vez havia conseguido abri-lo, haviam duas fotos deles mas ambas estava borradas pela água que havia entrado nelas a alguns instantes. Passei mais algumas paginas procurando por algo ate que achei uma pequena frase em grego

"Ο πατέρας του και τον Θεό Άρη. Σ 'αγαπώ μου πριγκίπισσα του ουρανού" eu traduzi rapidamente "Seu pai e o Deus Ares. Te amo minha princesinha do céu"

Naquele momento fechei os olhos coloque o seu diário sobre meu peito e fechei os olhos esperando me sentir melhor em saber que minha mãe não havia me abandonado pequena e sim salvado minha vida...
avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Sex Jan 27 2012, 15:40

Entrei no chalé estava quase despencando provavelmente porque a adrenalina em segundos iria acabar e eu provavelmente iria trancar a porta e sofrer de delirio.

Fui tomar um banho a aguá parecia tão agradável que me senti melhor, meu corpo doía um pouco por causa do treino mais com o tempo me acostumaria com a rotina nova que teria no acampamento meio-sangue.

Após passar o creme e refazer a maquiagem( que confesso pela preguiça apenas usei o lápis preto, pó, base e blush) fui atrás de uma blusa, achei a minha blusa preferia ela caia no ombro e tinha uma frase bem interessantemente na qual dizia"Há dois tipos de pessoas num relacionamento: quem manda, e o homem.". Não tinha coragem de sair com ela por isso iria usar ela para dormir ou ficar só no chalé, procurei outra coisa um short bem curto já que a blusa branca era maior do que eu ela provavelmente pareceria um vestido curto o que me fez escolher o short preto para usar.

Procurei o meu MP3 ( que na verdade parecia uma caixinha de music muito alta) e comecei a ouvi-lo enquanto dava uma de maluca e cantava uma musica usando meu desodorante como microfone e parecia uma maluca dançando em cima da cama.


You say that I'm messing with your head
All 'cause I was making out with your friend
Love hurts whether it's right or wrong
I can't stop 'cause I'm having too much fun

You're on your knees
Begging please,
Stay with me
But honestly
I just need to be a little crazy

All my life I've been good, but now
Ah, I'm thinking "what the hell"
All I want is to mess around
And I don't really care about
If you love me, if you hate me
You can't save me, baby, baby
All my life I've been good, but now
Whoa, what the hell

avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por lucca Heyk em Ter Jan 31 2012, 15:23

Caminhei ate o chalé de Ares ele era de um vermelho desbotado com um javali em cima do meio da porta principal, entrei no chalé e ele não era tão cheio quanto eu pensava.

Joguei minha bolsa sobre uma cama livre e me joguei sobre ela querendo descansar depois de tanto tempo correndo com a moto ate o acampamento meio-sangue, respirei fundo e peguei sobre minha bolsa um tablete de chocolate que havia colocado lá para a viagem.

-Meu amor você por enquanto será a minha unica!-disse dando uma mordida dos deuses naquela belezura dos céus.

Enquanto dava outra mordida percebi que havia mais alguém la, ouvi um barulho de chuveiro ligado e então pensei que era um banheiro atrás daquela porta, fiquei esperando enquanto ouvia o som de passos vindos em direção a porta.

avatar
lucca Heyk


Mensagens : 21
Data de inscrição : 31/01/2012
Idade : 23
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Ter Jan 31 2012, 15:41

Tomei um banho após falar com a garota nova do chalé da Afrodite e passei meu creme e passei apenas um pouco de blush, lapis de olho e um gloss por que estava com preguiça de fazer aquele look tão rock.

-Droga!- disse batendo na pia.

Havia esquecido meu short curto jeans e teria que correr ate a minha bolsa militar para buscar-lá o que me restara apenas ficar com a minha blusa caida de lado com o desenho do NEMESIS de Resident evil 2, por sorte a blusa era longa e parecia um vestido curto o que se alguém passase não pareceria tão esquesito.

Abri a porta do banheiro sem olhar envolta do chalé para ver se tinha alguém e quando percebi havia um garoto deitado na cama que me observava, dei um grito e fiquei corada demais com esse ocorrido, enquanto tentava entrar novamente no banheiro acabei levando um tombo da aguá que ainda havia sobre meus pés.
avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por lucca Heyk em Ter Jan 31 2012, 15:58

A garota saiu do banheiro, eu conhecia ela era Sammi a garota que havia estudado comigo na escola militar eu ainda lembrava de como foi nosso treinamento juntos fomos os melhores de lá ate ela ter uma virose e sair de lá no dia seguinte que a gente.... Droga o oque ela estava fazendo aqui?

A loira ficou corada imediatamente e acabou levando um tombo, rapidamente fui ate lá ajuda-lá ela não parecia nada bem o seu joelho estava sangrando e o tombo tinha sido muito engraçado.

-Ei loira bebeu de novo?- eu disse com um sorriso enquanto pegava ela no colo e colava sobre a cama.

-Ei Lucca eu conseguiria ir ate a cama sozinho!- ela disse me dando um soco de leve.

-Eu sei mais depois dessa cena duvido muito disso!-eu disse rindo

Ela fez um bico e teria me dado outro soco se eu não tivesse me desviado, nós estavamos empolgados demais pois tinhamos sido tão bons amigos antes de tudo o que houve no acampamento ter estragado. Mais agora estavamos felizes e preferiamos ficar assim por algum tempo antes dos problemas nos machucarem de novo.
avatar
lucca Heyk


Mensagens : 21
Data de inscrição : 31/01/2012
Idade : 23
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Ter Jan 31 2012, 16:17

Mordi o labio era incrivel como o tempo tinha passado mais eu não havia conseguido mudar meus sentimentos por ele: primeiro felicidade depois raiva em seguida felicidade.

-Senti sua falta garoto!- eu disse lhe abraçando desprevinido.

Lucca não era sentimentalista mas naquele momento ele não me rejeitou apenas me abraçou de volta como uma pessoa normal faria, ficamos assim por mais alguns segundos quando nós se soltamos e ele mexeu no meu cabelo e disse:


-Acho que somos irmãos de sangue agora!
-ele disse ficando feliz.

Eu bufei, ele era meu irmão mas de sangue ja era outros mil por que Mel era minha irmã e ela e má e no entanto não conseguia ver Lucca tendo que aguentar Mel isso me fazia eu querer defende-lo como se um dia ele tivesse sido frazil.

Eu peguei a minha maleta de primeiros socorros que levava comigo, Lucca puxou meu pé para por por cima da perna dele e pegou o alcoól e o algodão para passar sobre meu joelho que doia e sangrava.

-Não precisa fazer isso!- eu o adverti.

Mas como sempre nunca funcionou...


avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Annabella Summers em Ter Jan 31 2012, 21:20

O chalé é de um vermelho-vivo mal pintado, tem seu telhado forrado de arame farpado, com uma cabeça de javali empalhada acima da porta central. E seus olhos parecem seguir quem os encara. O número 5 de latão estava pregado na porta. Abro a porta, e percebo que a Sammi, a menina loira estava sentada em uma cama com um garoto, ela havia se machucado e estava cuidando de seu ferimento.
- Olá - Digo inibida, entrando no local - O que houve ? - Pergunto ao ver o ferimento. O joelho da mesma estava sangrando e parecia ser grave, ou não.


Última edição por Annabella Summers em Sex Abr 20 2012, 15:24, editado 2 vez(es)
avatar
Annabella Summers


Mensagens : 43
Data de inscrição : 28/01/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento Meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Narrador em Ter Jan 31 2012, 21:31

TURNO ENCERRADO!


Novo turno iniciando-se dia 01 de Fevereiro e encerrando em 15 de Fevereiro.
avatar
Narrador

Mensagens : 136
Data de inscrição : 23/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Qua Fev 01 2012, 10:41

Entrei sobre a floresta clara e la vi um lago negro e escuro, eu não queria entrar pois sentia algo ruim daquela coisa mas ouvi a voz de meus amigos me chamando eu os ouvia falando "Venha,venha".

Comecei a caminhar ate a aguá e parei com esta na minha cintura, me virei olhando e perguntando onde eles estavam quando senti algo puxando meu pés, não era uma mão mais varias mãos me puxando para mais e mais baixo naquela aguá.

-Me soltem! Me soltem!-eu gritei para elas.

Não adiantou aquelas coisas continuaram me puxando, fiquei me remexendo sobre a aguá tentando me soltar mais aquelas coisas me arranhavam e apertavam mas ainda minha pernas que doíam sobre seus toques doloridos.

Tentei dar um pulo mais afundei ainda mais do que a vez anterior, a aguá agora parecia ficar um pouco mais solida e grudava em minha pele, percebi que ela havia mudado de cor de um negro para um vermelho vivo que parecia..... Era sangue!

Comecei a gritar alguma coisa começou a brotar do lago de sangue, a meu deus eu conhecia aquele corpo era de Maggie e outro logo em seguida brotou era de Gabriel, Lucca e por fim o de Melanie. Comecei a chorar e não conseguia mais respirar eu havia afundado mas ainda não estava morta, meu pulmão doeu sobre minha pele pedindo mais ar ate que com um sofro profundo o ar me voltou e eu acordei daquele sonhos horrivel.

avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Afrodite em Qua Fev 01 2012, 11:00

EU JURO QUE ESTOU ME ESTRESSANDO!
Julieta vc não pode estar em dois lugares ao mesmo tempo. Você não pode aparecer antes de encerrar seu turno com Alyssa. POR FAVOR PACIENCIA.


Vou exclui seu post.

_________________
avatar
Afrodite

Mensagens : 46
Data de inscrição : 21/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Melanie Howard em Qua Fev 01 2012, 11:09

Eu ouvia vozes invadiram meu sonho, onde eu estava enroscada com Orlando Bloom em uma cama espaçosa de um quarto qualquer. Pisquei os olhos a realidade, encarando o teto do chalé a voz de Sammi atingiu o agudo enquanto ela falava sabe-se lá com quem. Suspirei chutando o edredom ele foi para o chão, me sentei na cama. Fuzilando Sammi com os olhos. Ela ainda estava deitada na cama dela agitava os braços sem parar, caminhei ate ela grudando na lateral de seu ombro a chocalhando.

- Inferno! Desgrudei do braço dela quando vi ela voltando a realidade. Enquanto fechava minha mão em punho. – Eu já sou mal humorada normal e ainda você me acorda na base dos gritos, a é desculpa, me esqueci que mesmo quando você esta falando normal você grita. Eu juro que se você não calar essa maldita boca eu vou fazer você ficar sem falar por um mês.

Eu me levantei caminhando passando pela cômoda e pegando minha escova de dente depois fui ate o banheiro. Quando sai ela estava encarando a porta fechada do banheiro.

- Me diz uma coisa. Como você consegui ser tão fútil? Olha o mundo esta caindo nesse chalé e você fica se importando em não poder mais agarra seu namorado depois das 8:00. Sem contar que agora me aparece o Lucca eu ainda estou meditando quem será o pior você ou ele. Da um empate bom.

Eu queria Gabe novamente, queria Dan. Eu havia tentado ligar para Natalie já que Lucas informou que o celular dele havia sumido. Uma filha de Afrodite também havia sumido havia rumos de um caso entre ela e Gabe. Ninguém sabia nada sobre eles. Ao mesmo tempo eu estava com raiva, os treinamentos havia se intensificado. As coisas estavam complicadas no acampamento não se podia mais respirar sem que um instrutor visse.


Última edição por Melanie Howard em Qua Fev 01 2012, 11:26, editado 1 vez(es)
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Qua Fev 01 2012, 11:22

Senti o meu pesadelo desaparecer como um nada, senti o ar voltar a mim e senti uma cor voltar novamente enquanto abria os olhos.

- Inferno! Melanie desgrudou de meu braço quando me viu acorda Enquanto fechava sua mão em punho. – Eu já sou mal humorada normal e ainda você me acorda na base dos gritos, a é desculpa, me esqueci que mesmo quando você esta falando normal você grita. Eu juro que se você não calar essa maldita boca eu vou fazer você ficar sem falar por um mês.

Vi Melanie caminhando, passando pela cômoda e pegando sua escova de dente depois foi ate o banheiro, mas não ligava para isso estava apenas olhando a porta e sentindo a mesma coisa que havia sentido com aquela aguá de meu sonho quando ouvi Melanie falar,mais não a escutei.

Comecei a me levantar da cama e ir em direção da porta quando senti uma pontada sobre minha barriga e tudo em mim gelar do nada,a ultima coisa que me lembrava era do chão aos meus pés como se eu não conseguisse me mexer e como sentia meu corpo arder depois meus olhos se fecharem sem que eu quisesse.


avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Melanie Howard em Qua Fev 01 2012, 11:53

Assim que terminei de fala encarei Sammi, ela estava meio verde, estranha. Ela já era meio estranha mais agora parecia mais ainda.

- Santo Deus misericórdia. Qual seu problema?

Eu disse colocando a mão na cintura. A pele dela suava, os cabelos loiros colavam em sua testa. A mão dela estava sobre o estomago.

- Você ta grávida? E eu que achava que você era virgem meu Deus Sammi, que época você nasceu? Sabia que meios de se prevenir, tipo camisinhas, remédios.

Jesus, ela deveria ter uns 15 anos no Maximo, chutei alto já que nunca me importei com a idade da Sammi, nunca havia trocado mais que 8 frases completas com ela e isso era um avanço que tinha pessoas que eu simplesmente não conversava no acampamento. Suspirei olhando para ela. O que faziam com garotas que engravidavam? Eu mataria o namoradinho dela se não assumisse, eu não gostava de Sammi, mas ela era minha irmã afinal de contas. E não poderia ficar desamparada.

-Cara você ta acabadona, tipo verde, deveria ir tomar um banho sei lá.

Caminhei ate minha cama, peguei o edredom no chão e comecei arrumá-la.
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Qua Fev 01 2012, 12:06


- Você ta grávida? E eu que achava que você era virgem meu Deus Sammi, que época você nasceu? Sabia que meios de se prevenir, tipo camisinhas, remédios.

Tive vontade de socar Melanie, que historia era essa? Foi tudo que deu tempo de pensar por que foi como se meu estomago tivesse me dado um soco de dentro pra fora no entanto melanie estava falando que eu estava gravida!

Melanie me arrumou em seu edredom enquanto falava algo comigo.

-Cara você ta acabadona, tipo verde, deveria ir tomar um banho sei lá.

Melanie estava preocupada e eu tentava fazer a minha boca se mexer sem que eu apagasse novamente, ate que enfim consegui falar em um meio fio.

-Presão baixa....presão baixa....sal-consegui falar por fim em um meio suspiro esperando que ela me ouvisse.

Eu me sentia totalmente fraca e meu corpo parecia enfraquecer ainda mais, torci para que Mel houvesse entendido o que eu havia dito enquanto tentava respirar com toda essa fraqueza de novo.
avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Melanie Howard em Qua Fev 01 2012, 13:51

Fiz uma careta tentando entender o que ela havia fala. Pressão baixa era isso? Antes mesmo que eu pergunta-se que diabos ela estavam falando, ela revirou os olhos indo para o chão. Encarei a cena olhando para ela, decidindo se ela estava ou não palhaçada comigo. Cheguei perto onde o corpo dela estava no chão me agachando ao seu lado.

- Acorda! Dei dois tapas seguidos no rosto dela, pela marca foi meio forte. – Urg desculpa. Eu pedi com ela ainda com os olhos fechados. Olhei ao meu redor. O que ela havia falado mesmo, será que era pressão alta ou baixa, me levantei girando sob meus pés me lembrando que eu deveria ter sal em algum lugar. Caminhei ate uma mesinha de canto pegando um potizinho branco, dei graças a Deus por gostar de coisas azedas e gostar de comê-las com sal, corri ao lado de
Sammi ainda estirada no chão abri a boca dela, virando um pouco de sal em seus labios.

Nada! A menina nem se quer tremeu os olhos.

- Diabos! Xinguei aos quatro ventos, peguei a primeira calça jeans na minha frente rezando para que ninguém entra-se não me preocupei em ir no banheiro a coloquei ali mesmo dando pulinhos para que ela entrasse mais rápido, peguei um casaco colocando por cima da blusa de pijama, caminhei ainda descalço ate a guria.

Levantei seu braço direito a arrastando pelo chão porta a fora eu sabia que ela amanha me xingaria, mas eu não iria pegar ela no colo. O corpo mesmo no chão era pesado.

- Deveria fazer um regime queridinha. Eu disse fazendo um bico. Vi um garoto passar. – Hey! Pode me ajudar a levar ela ate enfermaria?

O rapaz acenou chegando mais perto ele olhou minha mão segurando o pulso dela e analisou o dentro do chalé dei os ombros. Ele se abaixou pegando Sammi do chão no colo. Caminhei entre os pingos de chuva que começa a cair atrás do rapaz.


ENCERRADO CONTINUA NA ENFERMARIA
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Sammi Scarllat em Qui Fev 02 2012, 07:33

-Presão baixa....presão baixa....sal-tentei dizer novamente mas o som não havia saído como anteriormente.

Meu corpo doía e latejava ao mesmo momento, notei que Melanie não entendeu o que eu havia dito sobre a pressão baixa e o sal novamente,ela precisava fazer minha pressão subir com o sal mas ela não havia me entendido provavelmente por que a palavras deveriam ter saído embaralhadas de minha boca.

As cores do chalé pareciam girar em volta de mim fazendo eu ficar enjoada e isso fazia meu estomago se remexer por dentro ainda mas do que antes, fiquei tensa pensando como iria avisar a Mel que estava com pressão baixa se nem ao menos conseguia pronunciar alguma palavra em uma ordem correta?

Agora ja não sentia meu corpo na qual eu apenas sentia o frio os meus olhos que queriam se fechar como se eu não houvesse dormido a noite e o sono vinhes-se e fechasse meus olhos ele próprio sem a minha vontade, em um pequeno deslumbre ouvi a voz de Melanie:

-Diabos.-sua voz começou a ficar mas fina, e menos nítida.

Então definitivamente apaguei sobre o chalé sem sentir nada a minha volta fosse o ar, chão,vozes, corpos se mexendo. Eu não via nada além do escuro que me rondava e parecia fazer aqueles prováveis grandes minutos em pequenos segundos rápidos.Aguardei por um momento e me perguntei: "Será que estou morta?"

ENCERRADO CONTINUA NA ENFERMARIA
avatar
Sammi Scarllat


Mensagens : 387
Data de inscrição : 11/01/2012
Idade : 21
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Lucas Boulevard em Ter Fev 28 2012, 21:17

E lá estava Lucas parado na frente do chalé 5 decidindo se bateria na porta ou não. Ele nem sabia se Mel estava lá ou não, mas ele tentaria a sorte, a de talvez encontra-la lá e também correria o risco de levar um soco dela. Mel andava hostil com ele desde a briga que ela teve com Natalie e que os dois não conseguiram se entender direito. Lucas sempre fazia tudo errado, estava começando a se convencer de que não sabia lidar com as mulheres. Primeiro Natalie ficou sem falar com ele, depois Mel...as duas por culpa dele mesmo que não soube como se resolver com elas. Agora o importante para ele era tentar novamente se entender com Melanie, ele sabia que não era a hora certa, ela estava mais furiosa do que o normal, principalmente com o envolvimento de Natalie no sumiço do acampamento e ainda levando Dan nessa confusão toda. Lucas estava puto da vida com a irmã, apesar dele ainda achar que ela nunca seria capaz de fazer algo assim, isso só podia ser coisa do Trevisan e ainda meteram Isabella nisso tudo, já não basta os problemas que a garota já tinha.
Lucas se sentia cansado, irritado, principalmente com a irmã, se ela conseguisse voltar ao acampamento ele teria uma conversa séria com ela. Lucas suspirou colocando uma das mãos na cabeça, por mais bravo que ele estivesse com sua irmã ele não conseguia deixar de se preocupar e pensar no que deveria estar acontecendo com ela agora. Ele sempre a protegeu, Lucas achava que deveria ter tentado se resolver com a irmã e não ajudado na birra que ela fazia o ignorando aquele tempo todo, mas agora já era tarde, ele não sabia onde ela estava e nem quando a veria, por isso ele não podia perder mais ninguém, por isso era tão importante se entender com Mel. Assim ele deu alguns passou até a porta do chalé e batendo.
avatar
Lucas Boulevard


Mensagens : 48
Data de inscrição : 11/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Melanie Howard em Qua Fev 29 2012, 09:09

Eu chegava ao chalé de Ares, ainda suada da corrida. Dei uma parada brusca ao percebe quem estava parado em frente, eu conhecia aquelas costas de longe, aquele cabelo bagunçado e aquela bunda. Mordi os labios, reprimindo um sorriso. Fiquei alguns segundos ali apenas analisando a forma como ele agia parado na porta do chalé, a indecisão estava presa em cada movimento de Lucas.

Ele bateu na porta. Sorri satisfeita. Caminhei ate ele dando um toque com o dedo indicador, ele se virou parecendo surpreso.

- Lucas o que você faz aqui? Fiz um bico – Não me diga que você esta pegando a Sammi?

Na verdade era de ser esperar, se algo que corria aqui no acampamento eram a fama de Lucas, de galinha, conquistador barato, garanhão, comer e coisas do gênero. E eu era a “peguete” oficial dele. Com todos os encargos que um oficial deveria ter, possessiva, neurótica e ciumenta. As outras não se importavam que ele escondesse de mim seus casos fora e eu fingia não saber.
Ele permanecia em silencio apenas me olhando. Olhei para o lado me sentindo cansada.

- Olha seja lá o que você veio fazer aqui. Você pode entrar e esperar quem você quer, eu preciso de um banho. Passei por ele empurrando a porta fechada, o chalé estava vazio deixei a porta aberta dando a ele a total escolha se entraria ou se ficaria ali parado. Virei-me no caminho ele ainda estava parado na porta.

Olhei os cabelos loiros bagunçados os olhos azuis, Santo Deus como ele conseguia ser tão perfeito? Talvez Lucas devesse ser filho de Apolo. Erraram o pai! Foi isso só pode. Jamais ninguém conseguiria aquele charme dele de conquistador barato e fora da linha e todos os milímetros do corpo dele me chamava. Senhor me ilumina.

Ergui as sobrancelhas.

- Vai ficar ai parado? Eu disse quando ele não se mexeu.
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Lucas Boulevard em Qua Fev 29 2012, 13:42

Lucas mal havia acabado de bater na porta quando sentiu alguém cutuca-lo, ele se virou surpreso por ver Melanie parada atrás dele e ainda por cima com cara de poucos amigos. A quanto tempo será que ela estava ali? Havia visto ele ali na indecisão do que fazer? Esperava que não, ele nunca baixava a guarda com ninguém a não ser com sua irmã e muito menos para Melanie, ele a conhecia bem o suficiente para saber que isso daria mais armas a ela para usar contra ele se ela algum dia perdesse seu interesse por ele.
- Lucas o que você faz aqui? Não me diga que você esta pegando a Sammi? – o modo irônico de Melanie se manifestou, aquele que Lucas a via usar com todos, mas dificilmente com ele. Ela passou por ele abrindo a porta do chalé e entrando. Lucas olhou para dentro fazendo uma varredura e verificando se estavam sozinhos antes de entrar.
- Vai ficar ai parado? – Lucas sorriu para Mel entrando no chalé e fechando a porta.
- Respondendo a sua primeira pergunta, não..eu não estou pegando a Sammi, das filhas de Ares você é a única que eu pego. – Lucas se jogou na cama de Mel vendo-a andar pelo quarto. – Eu vim falar com você, posso esperar você tomar um banho antes, ou.. - Lucas olhou sugestivamente para o banheiro e depois para Melanie sorrindo – posso te fazer companhia. – ele sentou na beirada da cama segurando Mel pela mão quando ela passou por ele sem responder e sem nem olha-lo. – Só quero me entender com você Mel.
avatar
Lucas Boulevard


Mensagens : 48
Data de inscrição : 11/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé de Ares

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum