Refeitório

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Melanie Howard em Seg Abr 16 2012, 21:09

Assim que o a brisa tocou meu rosto esqueci completamente do que havia acontecido entre Sammi e Gabriel, na verdade não me importava como eu disse a Gabriel eu gostava dele, mas ele namorar com Sammi não era pontos positivos ao seu favor. Suspirei entediada ao ver a super produção que fizeram para festa, e ainda me perguntava como eles conseguiam perde tanto tempo e imaginação com festas dessa magnitude.

“Que decoração cafona.” Eu disse ao entrar no refeitório recebendo alguns olhares de semi deuses que conversavam animadamente ali. Olhei para as pessoas no interior do local, quase toda eu conhecia algumas de vista, algumas de poucas palavras e outras de brigas violentas. Cheguei perto do ponche pegando um copo e pouco dele. Perto da mesa um grupo conversava animados. Um deles eu reconheceria de longe, era James. Ele era amigo e instrutor junto com Dan, eu havia sofrido de uma paixonite aguda quando entrei no campo, mas quem não teria. Ele era lindo quente e mais velho os olhos dele caíram em mim eu sorri cumprimentando com a cabeça, logo virei às costas e fui para uma mesa afastada da multidão que falava alto. Chequei mais uma vez o local, nenhuma pista nem sombra de Lucas. Hoje eu entendia o que era a frase estar em uma multidão e desejar apenas uma. Eu não desejo Lucas, apenas alguém com quem me importar talvez alguém que me fizesse sentir algo que não fosse desprezo o raiva ou qualquer coisa que tivesse destinado a algo ruim.

Droga quando eu havia virado sentimental?

Abri a bolsa pegando um frasco de vodka misturando ao meu copo. O cheiro me atingiu-me em cheio. Eu precisava disso, na verdade eu precisava de muita coisa, mas por instante me conformei apenas com copo em minhas mãos e a visão ampla da festa.

Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por James Stark em Seg Abr 16 2012, 22:47

Por incrível que pareça James estava gostando da festa, justo ele que achava que essa festa seria péssima, mas a conversa com Leo, Sammi e Maggie estava se tornando divertida, eles eram pessoas legais e James começava a achar Sammi uma garota super engraçada, aquelas que diz a verdade doa a quem doer e que nunca perdia o seu bom humor.

James olhou em volta observando como estava a festa, um hábito que nem em um momento de descontração ele perdia, sempre observando para ver se eles não teriam nenhum tipo de problema. Ele olhou para a porta e viu Melanie entrar, ela assim como ele parecia estar deslocada no local, a diferença entre eles era que James conseguia se enturmar enquanto Melanie era odiada pela maioria das pessoas ali. Ele a conhecia pouco, trocaram poucas palavras durante todos aqueles anos, mas ele ouvia de Dan que Mel não era exatamente o que ela demonstrava na maior parte do tempo, o que James não duvidava, ela parecia o tipo de pessoa que preferia ser odiada a ser magoada.

Ela se aproximou da mesa pegando um pouco de ponche e olhando em sua direção. James a cumprimentou com um aceno de cabeça que a garota retribuiu. Ele voltou então sua atenção para seus irmão e Maggie que conversavam. Sammi não estava mais ali com eles e James nem havia percebido até aquele momento que a garota havia saído de perto deles.

James se perdeu no assunto e se sentiu um pouco como um intruso de estar ali atrapalhando o irmão e a namorada na festa, por isso resolveu dar uma volta.

- Se me dão licença, vou cumprimentar uma colega. Falo com vocês mais tarde. – ele disse saindo e indo em direção a Melanie, que naquele momento ‘batizava’ seu ponche.

Ele se aproximou de Melanie silenciosamente – pensei que bebidas fossem proibidas na festa – ele disse baixo, mas mesmo assim a garota pareceu se sobressaltar – calma – disse ele levantando as mãos e sorrindo – vim em missão de paz – ele disse estendendo seu próprio copo para a garota indicando que ela colocasse um pouco da bebida em seu copo também. – Como você está?

_________________
James Stark | Filho de Apolo | 22 anos | | Instrutor

Narração :: Falas :: Falas alheias :: "Pensamentos"
avatar
James Stark


Mensagens : 37
Data de inscrição : 05/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Alyssa Elmer em Seg Abr 16 2012, 22:59

Alyssa andava pela festa conferindo se as coisas estavam ok. Ela realmente queria estar era se divertindo e não cuidando dos detalhes, mas lhe pediram ajuda e ela nunca sabia recusar, por isso lá estava ela, cansada, e não se divertindo nenhum pouco. Ela sentou em um dos sofás por alguns instantes, querendo descansar e torcendo para que ela pudesse voltar para seu chalé, para ela aquela festa já havia acabado a muito tempo. Alyssa não havia se divertido nenhum pouco e queria somente se livrar de tudo aquilo.

Ela se levantou para ir embora quando um dos monitores se aproximou lhe dizendo que as pessoas que tocariam na festa haviam mudado de ideia e que eles não sabiam o que fazer para arranjar música e foi aí que Alyssa viu que ela não teria descanso, mais uma coisa que ela precisava resolver.

A garota se sentou novamente pensando em como ela resolveria o problema da música, quando olhou em direção à mesa de bebidas e teve uma ideia. Ela levantou rapidamente seguindo até lá, ele era sua única esperança. Alyssa se aproximou de onde Leo e Maggie conversavam.

- Oi Maggie, Leo. – ela cumprimentou os dois e então sem nenhum enrolação ela se virou para Leo e disse – Nós tivemos um problema com o pessoal que tocaria na festa, será que você poderia dar uma ajuda e tocar algo pra gente? Prometo que não será por muito tempo, só para dar uma distração para essas pessoas todas. – ela olhou para Leo desesperada, ela sabia que o garoto não aceitaria, afinal quem abriria a mão de se distrair na festa para entreter os outros.

- Olha eu faço o que você quiser, te ajudo no que for que você precisar em qualquer circunstância se você aceitar me ajudar nisso. – ela o olhou com a cara mais pedinte que ela tinha rezando para que Leo a ajudasse.
avatar
Alyssa Elmer


Mensagens : 47
Data de inscrição : 06/11/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Melanie Howard em Ter Abr 17 2012, 09:02

– Pensei que bebidas fossem proibidas na festa.

Dei um pequeno pulo na cadeira onde eu estava sentada levando a mão ao peito, santo deus misericórdia. Parado com sorriso que parecia divertido James estava me olhando.

- Calma. Vim em missão de paz. – Isso fez um sorriso aparecer nos meus lábios involuntariamente. – Como você esta? Ele perguntou enquanto estendia o copo em minha direção, fiquei alguns instantes sem entender o que ele queria depois de alguns segundo eu percebi que percebi que ele queria vodka.

- Você é meu instrutor deveria sei lá me dar uma bronca ou me arrastar festa a fora dizendo que eu não deveria beber aqui. – Eu disse enquanto colocava vodka no copo dele. A idéia de ele me arrastar festa a fora pareceu bem quente para mim. Mas reprimi sorriso me preocupando em responder a pergunta dele. Pensei um pouco antes de responder meus últimos dias passaram em um borrão pela minha mente.

- Eu... Eu estou indo, acho que as coisas estão meio estranhas de uns dias para cá. – Não me importei em demonstrar meu desgosto em minha voz, eu poderia ser mesquinha com os outros alunos, talvez se um deles tivesse feito a mesma pergunta que James a resposta seria completamente diferente soaria mais como um “Foda-se você não tem nada haver com a minha vida.” Mas com ele um simplesmente fui sincera.

- Essa festa é estranha ou talvez eu esteja idosa de mais para entrar no mesmo clima que os alunos. Acho que nasci na época completamente errada. – Analisei mais um pouco os alunos, Alyssa conversava com o casal que antes James falava e outros alunos por ali conversavam animadamente. Porque eu não poderia agir como todos eles e ser normal. Virei à bebida em meu copo. Olhei para James dando um sorriso torto. – Você pareci tanto perdido quanto eu Jovem.

Sentei um pouco para o canto do sofá, meu movimento eu esperava que tivesse parecido como um convite para que ele se sentar ao meu lado. Eu não estava tentando flertar com ele se tinha alguém que eu não tinha nenhuma chance era com ele. Isso Dan havia deixado bem claro uma vez que entrou no chalé e eu estava chorando sobre uma foto dele que eu havia roubado na secretaria e Dan me dera uma bronca por estar apaixonadinha por um dos seus amigos, naquele instante um sorriso idiota apareceu em meus lábios, me lembrei de quando eu era mais nova e escrevia o nome dele no caderno. Ele percebeu meu sorriso já que quando olhei para ele, ele me encarava parecendo divertido. Tentei mudar de assunto antes que ele perguntasse algo.

- E você como esta? Faz um tempo que não te vejo na verdade não te vi depois que você voltou da missão. Você também se machucou? - Eu disse enquanto dava uma checada rápida nele para ver se tinha algo de estranho.

avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por James Stark em Ter Abr 17 2012, 15:34

- Você é meu instrutor deveria sei lá me dar uma bronca ou me arrastar festa a fora dizendo que eu não deveria beber aqui.– James fez uma careta, não importava as circunstâncias, as pessoas sempre o viam como o instrutor deles.

- É noite de festa, não sou instrutor hoje, você pode fazer o que quiser que eu finjo não ver. – ela sorriu fraco e pareceu perdida por uns instantes então continuou

- Eu... Eu estou indo, acho que as coisas estão meio estranhas de uns dias para cá. – James assentiu, para ele as coisas também andavam estranhas, mas provavelmente para os dois eram motivos diferentes. James achava estranho estar ali sem seu melhor amigo, ele não sabia se Mel sentia falta de Dan, se era esse o motivo ou se era o fato dela e de Lucas não estarem mais juntos, um assunto que andava sendo repassado entre as garotas de forma calorosa até demais.

- Eu imagino – ela o olhou de forma estranha – são muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo, não deve ser fácil, mas a festa de hoje serve pra isso, para se distrair, enturmar...

- Essa festa é estranha ou talvez eu esteja idosa de mais para entrar no mesmo clima que os alunos. Acho que nasci na época completamente errada. – ele olhou em volta. A falta de música no ambiente deixava as pessoas mais desanimadas. Ele levou sua bebida ‘batizada’ até os lábios - Você pareci tanto perdido quanto eu Jovem. – James não conseguiu conter um início de uma risada e quase engasgou.

Mel sentou mais para o canto do sofá e James sentou ao seu lado. – Eu fico totalmente perdido nas festas do acampamento. Um pouco por não me encaixar muito bem e um pouco pelo fato das pessoas me verem apenas como instrutor deles e não como um cara normal que pode sair e se divertir, entende.

- E você como esta? Faz um tempo que não te vejo na verdade não te vi depois que você voltou da missão. Você também se machucou? – James desviou do olhar de Melanie se fixando no copo em sua mão, as pessoas sempre voltavam ao mesmo assunto e ele nunca sabia como falar sobre aquilo, apesar de Melanie na ter lhe feito nenhuma pergunta de como havia sido a missão. Ele respirou fundo

- Só alguns ferimentos superficiais, arranhões..nada grave. Andei meio evitando as pessoas esses tempos, não pelos machucados – ele ficou quieto durante alguns segundos – a maioria das pessoas querem saber o que aconteceu e eu não posso falar sobre isso, não só porque fomos proibidos de falar sobre o que era a missão e o que realmente aconteceu, mas porque ouvir esses questionamentos trazem lembranças daquela noite que eu quero muito esquecer. Aquela noite trouxe conseqüências que eu não sei até onde elas chegarão. Eu perdi meus amigos, Dan sumiu, não sei o que houve com ele e por na saber lidar com isso me afastei de Alyssa, como eu a consolaria? – James se virou para Mel – como estão as coisas no chalé? Dan era querido por todos os seus irmãos, não ter ele por lá deve ser estranho.

_________________
James Stark | Filho de Apolo | 22 anos | | Instrutor

Narração :: Falas :: Falas alheias :: "Pensamentos"
avatar
James Stark


Mensagens : 37
Data de inscrição : 05/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Melanie Howard em Ter Abr 17 2012, 21:01

- Eu não queria te trazer lembranças de algo ruim. – Eu esperava que minhas palavras tivessem soado como algo de desculpa, já que essas palavras não eram fáceis de sair de minha boca. Eu me soquei internamente por fazer James se lembrar daquilo. Mas se já era difícil para mim imagina para que estava lá. – Olha, eu tenho certeza que Alyssa precisa de você agora, você só tem a ela para contar nesse momento porque ela compartilhou de tudo com ao seu lado. Não vai adiantar eu dizer que estou ao seu lado, eu sou apenas uma campista de mãos atadas. – Os campistas sempre disseram que Alyssa e James tinham algo ou ela tinha algo Dan ninguém era meio divido alguns eram teen James outros era teen Dan. Eu apenas sentava e comia minha pipoca e ria dos papos aleatórios deles. – Hey... – Eu disse tocando braço dele uma corrente eletreca passou em minhas mãos a fazendo formigar. Não me importei muito com a sensação. – Logo, logo Dan estará com a gente. – Eu disse em tom confiante.

Eu sorria, mas por dentro me corroia eu sabia que havia colocado em Gabe em apuros. Eu ainda não havia tempo de me sentir culpada.

- Eu sinto falta deles, quero dizer de Dan e Gabe. Nunca precisei de ninguém para me defender de nada, mas agora sem eles pareci que eu estou desprotegida. Eu sei que pode parecer loucura afinal de contas quase todos os campistas têm receio de mim. Ninguém me conhecia como eles e eu nem sei como Gabe vai reagir quando voltar. – Me calei, esse era o problema quando eu começava a falar verdades eu não conseguia parar. – Você não precisa ficar ouvindo meus lamentos infantis.

Eu enchi mais meu copo agora de vodka pura eu vi os olhos de James para mim depois para copo.

- Se eu ficar bêbada eu digo que você deixou. E sobre musica você poderia dar um jeito nisso. Afinal você é filho de Apolo, tenho certeza que você deve comandar no som. - Eu estava apenas tentando anima-lo depois de tocar em assuntos pesados. - James, eu acho que você deveria me treinar agora que Dan e Gabe não estão aqui eu não estou treinando e Alyssa as vezes pega leve comigo, eu gosto do jeito que ela treina, mas homem tem uma força própria. Ta ai eu acho que você deveria realmente me treinar. - Eu enchi mais copo dele com vodka. - Aposto o que você quiser que você fica bebado primeiro que eu. - Eu disse rindo enquanto virava minha vodka de uma vez só.
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Maggie Givens em Ter Abr 17 2012, 21:57

Sammi saiu e logo James também, tinha ficado finalmente sozinha com Leo, mas estava preocupada com Sammi, não apenas por ela ter me abandonado pela quarta vez aquela noite, mas por ter visto Melanie com seu sorriso sinico entrando no refeitório.

E aquilo não me cheirava bem, me viro para Leonardo
- Eu tenho que ir atrás da Sammi, urgente.
Digo dando um selinho nele.
- Te encontro depois.
Digo indo até as bebidas passando por Melanie com raiva dela, a garota já dava raiva apenas por olhar para ela, pego uma garrafa de bebida com álcool nem ligando para os monitores "Eu preciso achar logo a Sammi" Penso saindo do refeitório e a procurando.

ENCERRADO
avatar
Maggie Givens


Mensagens : 214
Data de inscrição : 19/07/2011
Idade : 23
Localização : Em algum lugar!

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por James Stark em Ter Abr 17 2012, 22:27

Depois de ouvir Melanie falar ele se sentia um completo idiota, ele havia esquecido que além do que aconteceu com Dan, ela ainda tinha a preocupação de Gabe estar envolvido no sumiço de Dan o que não deveria ser nada fácil para ela. Afinal por mais durona que Mel parecia, por mais que ela tratasse todos mal, que não gostasse de quase ninguém ali, James sabia que com os irmãos ela se importava.

Ele viu ela encher o copo de vodka - Se eu ficar bêbada eu digo que você deixou. E sobre musica você poderia dar um jeito nisso. Afinal você é filho de Apolo, tenho certeza que você deve comandar no som. – James riu, ela não poderia estar mais enganada, ele não tinha talento nenhum para música.

- Sinto decepciona-la Mel, mas o músico da família é o Leo e não eu. Não levo jeito para isso.

- James, eu acho que você deveria me treinar agora que Dan e Gabe não estão aqui eu não estou treinando e Alyssa as vezes pega leve comigo, eu gosto do jeito que ela treina, mas homem tem uma força própria. Ta ai eu acho que você deveria realmente me treinar. – ele a analisou, Mel realmente parecia estar falando sério. Ele não queria de forma alguma tirar alunos de Alyssa, ainda mais Mel que ele sabia que era uma das pessoas que Alyssa mais se dava bem ali. Ele olhou em direção a amiga que estava mais a frente conversando com Leo.

Não sei Mel, nem treinando o pessoal nesses últimos tempos eu ando, a Alyssa já conhece o seu estilo, sabe como lidar e no que explorar você, comigo teria que começar do zero e acho que não seria justo tirar a única amiga que Alyssa tem agora. – ele voltou sua atenção para Mel que lhe olhava de forma pedinte – pare de me olhar com esse jeito de gatinho do Shrek, Mel.

James se distraiu pensando mais seriamente no pedido de Mel, não seria justo tira-la das aulas de Alyssa, mas ele poderia fazer isso, poderia treinar Mel, ele poderia deixa-la preparada para o caso dela ser mandada para alguma missão, ele devia isso a Dan. James não pode proteger o amigo como deveria, mas ele poderia fazer isso pela irmã dele.

Ele suspirou derrotado – Tudo bem, posso te ensinar, mas somente se Alyssa não se importar. – Mel sorriu, esticando a vodka e despejando um pouco no copo de James.

- Aposto o que você quiser que você fica bêbado primeiro que eu.

Isso não é justo, eu sempre fico bêbado mais rápido do que qualquer pessoa. – James riu, ele era uma negação para bebida – e pelo jeito vou acabar pagando algum mico aqui. – ele bebeu um pouco da vodka em seu copo se virando para Mel com um sorriso travesso no rosto– quer apostar o que?

_________________
James Stark | Filho de Apolo | 22 anos | | Instrutor

Narração :: Falas :: Falas alheias :: "Pensamentos"
avatar
James Stark


Mensagens : 37
Data de inscrição : 05/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Lucas Boulevard em Ter Abr 17 2012, 22:37

Lucas entrou no refeitório preocupado em arrumar seu terno e limpando seus labios, ele sabia que deveria estar um pouco avermelhado. Afinal de contas não fora fácil deixa a filha de Athena sem ar. Enquanto entrava uma garota loira saia às pressas ele a acompanhou com os olhos ela era bonita, mas ela passara por Lucas com tanta pressa que ele nem fora capaz de captar os detalhes da garota direito. Os olhos dele saíram das costa da menina e varram o local minuciosamente, eles por fim caíram em um canto afastado onde Melanie conversava animadamente com James, Lucas bufou por sua vez, pelo que ele via a garota não sentia a falta dele, mas Lucas sabia dos sentimentos de Mel por ele. Com passos decididos foi ate onde os dois conversavam animadamente. Parando a frente dos dois, James o olhou primeiro e Melanie parecia mais estressada com quem havia intrometido a festa particular dela, quando seus olhos caíram em Lucas por fim, ela parecia incrédula.

- Boa noite. - Ele disse se dirigindo aos dois. – Espero que estejam se divertindo, alias você esta incrível hoje. – Ele disse olhando nos olhos dela e ouviu Melanie bufar. Por fim deu um aceno rápido com a cabeça e saiu de perto dos dois. Ele já havia marcado presença ele havia mostrado a ela que ele estava ali. Os olhos dele foram para o centro do salão onde Alyssa conversava com Leonardo o filho de Apolo, sorrindo ele foi ao encontro dos dois.

Se James queria mesmo ficar pelos cantos com Melanie nada mais justo que ele ficar de flerte com Alyssa, não era nada oficial, mas rumores diziam que os dois eram um casal. O que para Lucas parecia uma ótima oportunidade. Como dizia aquele ditado é chumbo trocado. Ele parou ao lado dos dois. Deu um aceno com a cabeça.

- Boa noite, vocês não estão com as caras mais animadas do mundo, isso é uma festa minha gente precisamos nós animar. Somos jovens ou não.
Ele por fim deu uma olhada no vestido que Alyssa usava, era num tom vermelho sangue que caia bem em seu corpo fazendo que a silueta dela se destaca, por fim Lucas decidiu que ele gostara do que viu.

- Eu acho que esta faltando som e talvez uma bebida mais quente que ponche. – Ele recebeu um olhar desaprovador de Alyssa, Lucas apenas deu os ombros, fazendo uma cara como quem eu não disse nada para Alyssa fazendo a moça sorrir.
avatar
Lucas Boulevard


Mensagens : 48
Data de inscrição : 11/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Alyssa Elmer em Ter Abr 17 2012, 23:35

Maggie se despediu saindo e deixando Alyssa ali ainda esperando a resposta de Leo. Ele parecia ponderar todos os prós e contras de ajuda-la e aquilo a deixava mais impaciente do que ela já estava e com um humor nada bom. Era óbvio que ela não iria descontar sua frustração no garoto, afinal ele não tinha culpa que as pessoas que tocariam na festa houvessem decidido não faze-lo mais, mas ela ficaria eternamente grata se ele ajudasse.

- E então Leo, acha que pode me ajudar?

- Boa noite, vocês não estão com as caras mais animadas do mundo, isso é uma festa minha gente precisamos nós animar. Somos jovens ou não. – Alyssa olhou para o lado e viu Lucas parar entre ela e Leo, ela suspirou torcendo mentalmente para que a presença de Lucas não causasse tumulto entre a maioria das meninas dali que caiam de amores por ele, além de Mel estar por ali, o que não era difícil de se imaginar que poderia dar algum problema. Alyssa sabia do que havia acontecido entre Mel e Lucas, a história verdadeira e não as palhaçadas que andavam sendo espalhadas no acampamento e ela sabia que com o temperamento de Mel essa festa podia não acabar nada bem.

Ouvir que a festa precisava ser animada quando ela estava tentando fazer exatamente isso, mesmo não sendo a obrigação dela que deveria neste momento estar se divertindo, mas estava ali tentando resolver, não ajudava em seu humor. Ela viu Lucas a analisar e contou mentalmente até três para se manter calma.

- Eu estou tentando ok, só não é fácil tentar animar uma festa sendo que não é você quem deveria estar fazendo isso. – ela respirou fundo tentando relaxar, ninguém ali tinha culpa das coisas não estarem dando certo, e Alyssa não deveria descontar nos outros, essa não era ela.

- Eu acho que esta faltando som e talvez uma bebida mais quente que ponche. – ela o olhou desaprovando sua ideia de bebidas, aquilo viraria uma zona se começassem a beber. Ela havia acabado de decidir que não seria indelicada com ninguém e lá estava ela pronta para dar uma resposta mal educada, mas em vez disso ela sorriu.

- Sim, você tem razão, está faltando música e eu estou prestes a resolver isso, certo Leo? – ela deu uma olhada de relance para o garoto que até aquele momento não havia dito uma palavra. – Quanto a bebida – ela olhou de volta para Lucas – tire essa ideia da cabeça Lucas, você sabe que não é permitido, isso só traria mais problemas e acho que você mesmo disse que quer se divertir. Acabar com a festa não é diversão. – Lucas a olhou dando um sorriso irônico, que se fosse em qualquer outra pessoa a irritaria, mas Lucas tinha uma forma de sorrir que era impossível se irritar com ele por isso e ela achava que era esse o sorriso que ele usava para conquistar as meninas do acampamento. Alyssa não negava que Lucas era um cara bonito, mas não entendia a fascinação que as outras sentiam por ele.

- Quer saber, faça o que você quiser, só não me arranje mais problemas e se mantenha longe da Melanie. – ela então voltou para o assunto principal que ela ainda não havia obtido uma resposta. – Leo, é só uma resposta, um sim ou não, por favor.
avatar
Alyssa Elmer


Mensagens : 47
Data de inscrição : 06/11/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Melanie Howard em Qua Abr 18 2012, 10:15

- Ra! Você vai perde James sendo assim eu deixo você escolher o que vai ter que me dar. – O sorriso dele se abriu mais, eu sorri junto com ele. Mas quando ele foi me responder uma voz o calou eu conhecia aquela voz antes ela me colocava para dormir, mas hoje ela apenas era um desconforto em meu estomago.

- Boa noite. Espero que estejam se divertindo, alias você esta incrível hoje. – Eu bufei e a raiva chegou, minhas mãos se fecharam em punho. Como ele ousava falar comigo? Eu percebi o terno um pouco desalinhado e o cabelo que sempre batia no queixo um pouco bagunçado, soltei o ar relaxando os músculos. Abaixei os olhos tentando me concentrar em algo que não fosse Lucas. Lembro-me quando minha mãe pedia para me focar em qualquer coisa bonita que raiva passaria. Tirei meus olhos do chão encarando James, os olhos dele era em tom azul e agora me analisava ele pareceria tentar-me entender dei um sorriso.

- Já te disseram que seus olhos são lindos?– Eu disse sem pensar, só depois que terminei a frase percebi que havia falado em voz alta. – Droga! Preciso parar de beber isso. – Eu disse enquanto virava o resto da vodka pura.

- Eu acho que Alyssa não vai se importar. Quero dizer sobre você me aulas. Você precisa voltar a treinar e eu preciso de alguém com ganância de ganhar. – Olhei em direção onde ela estava Lucas havia parado para falar com ela. Com isso eu sorri. Lucas precisava de uma mulher que o ensinasse com quão criança ele era. – Eu gosto dela e Dan também. – Dan nunca havia me falado nada mais eu via o jeito que ele a olhava era àquela mistura de mistério que ele sempre fazia quando escondia algo. Peguei mais vodka eu pressentia que sairia dali bêbada. Isso é se eu conseguisse sair.

- Eu acho que eu vou para a praia, porque é mais perto do meu chalé e se eu sair daqui trançando as pernas, vão perceber e todo mundo viu você conversando comigo. – Eu não sabia se ele tinha entendido a minha linha de raciocínio. Tentei explicar melhor – Eu não quero colocar você em apuros, vão falar que você deixou uma campista encher a cara e você não fez nada.- coloquei mais vodka no copo dele. Eu não queria que James fosse acusado por deixar que eu me embriagasse nós dois sabíamos qual era as regras do acampamento, nós sabíamos que bebidas eram proibidas assim como eu sabia que agarrar seu instrutor também era, mas ele naquele terno a cada copo de vodka ficava mais quente. Tirei os olhos dele olhando para o salão novamente a decoração não parecia mais tão cafona e eu estava conseguindo rir das risadas dos outros. Vish a coisa ta ficando feia.

- James você me acha feia? Olha eu não to querendo te dizer nada, mas é que os meninos do acampamento parecem ter medo de mim e Lucas aquele viado eu larguei dele porque ele tava comigo e com mais umas 5 meninas, eu nunca liguei, mas eu sentia falta de alguém que gostasse de mim de verdade. Eu sei eu sei que nada disso pareci comigo, eu sei que essas bichices não combinam comigo. Eu não estou sofrendo por ele, longe disso, acho que terminei com ele para me ato valorizar sabe? Eu sabia que James já tinha ouvido falar do fim do nosso namorado, eu não sabia o quanto disso ele havia ouvido. Chegaram ate falar que eu tinha pego ele na cama com outra. Dei risada sozinha.

Eu estava alegre, era isso, eu ainda conseguia distinguir fisionomias e tinha certeza plena que conseguiria andar em linha reta se quisesse. Olhei para a garrafa escondida perto da mesa, ela estava pela metade já eu havia trazido ela cheia. Olhei para James ele parecia se divertir sem nenhum sinal de embriaguez. – Santo Deus misericórdia eu vou perder minha aposta. - Eu disse fazendo um bico
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por James Stark em Qua Abr 18 2012, 13:59

- Ra! Você vai perde James sendo assim eu deixo você escolher o que vai ter que me dar. – James sorriu pensando nas implicações que aquela frase mais Melanie deslumbrante naquele vestido haviam feito em sua mente, ele fazia uma bela ideia do que ele poderia querer se ele ganhasse a aposta e ele estava bem complacente em lhe dar a mesma coisa se caso o resultado da aposta fosse o contrário. Antes que ele pudesse lhe dar uma resposta, Lucas se aproximou deles.

- Boa noite. Espero que estejam se divertindo, alias você esta incrível hoje. – Lucas saiu e James por incrível que pareça agradeceu pela interrupção, ele estava prestes a dar em cima de Melanie descaradamente, algo que ele não podia, ela ainda era uma garota, linda, incrível, mas ainda uma garota e irmã de seu melhor amigo. Ele não deveria pensar nela dessa forma. James voltou sua atenção para Melanie. Ela parecia perturbada pela aproximação do garoto, mas claro que estaria, até alguns dias atrás os dois estavam juntos e Mel era apaixonada por Lucas a um bom tempo o que ainda deve mexer com ela.

- Já te disseram que seus olhos são lindos? – e aí estava o motivo de James ter que se manter distante. Mel uma vez havia tido uma paixonite por ele, pelo menos foi o que Dan havia contado uma vez, uma paixonite que logo desapareceu quando ela se interessou por Lucas, o que para ele havia sido um alívio, ele nunca antes havia pensado na possibilidade de ter qualquer coisa com Mel. Antes que ele pudesse formular qualquer tipo de resposta para lhe dar Melanie continuou.

- Eu acho que Alyssa não vai se importar. Quero dizer sobre você me aulas. Você precisa voltar a treinar e eu preciso de alguém com ganância de ganhar. Eu gosto dela e Dan também. – James desviou o olhar de Melanie e se focou em sua amiga que agora conversava com Leo e Lucas.

- Não sei não Mel. Eu andei afastado, a deixei sozinha e agora eu reapareço e tiro a amiga dela dos treinos. Eu acho que ela vai querer me socar, isso sim. Alyssa aparenta força, mas ela é uma garota sensível, assim como eu sei que você também é algumas vezes. Você realmente pensa que Dan gosta dela dessa forma? – ele analisou a amiga – Alyssa sempre foi educada e atenciosa com nós dois, acho que tanto eu quanto Dan passamos por um tipo de interesse por ela quando a conhecemos, mas foi algo rápido que depois simplesmente entendemos que na verdade era mais uma amizade forte, daquelas que você faz tudo pelos seus melhores amigos do que realmente interesse amoroso. – ele olhou para Melanie que virava o copo de vodka – Não acha que já bebeu demais não Mel? – o que eles menos precisavam naquele momento era Melanie bêbada alardeando para todos por aí que ela estava bebendo. Ela pareceu concordar, mas do nada mudou de assunto.

- James você me acha feia? Olha eu não to querendo te dizer nada, mas é que os meninos do acampamento parecem ter medo de mim e Lucas aquele viado eu larguei dele porque ele tava comigo e com mais umas 5 meninas, eu nunca liguei, mas eu sentia falta de alguém que gostasse de mim de verdade. Eu sei eu sei que nada disso pareci comigo, eu sei que essas bichices não combinam comigo. Eu não estou sofrendo por ele, longe disso, acho que terminei com ele para me ato valorizar sabe?

- Entendo o que você quer dizer. Você é linda Mel, não deixe que te digam ou que te façam sentir o contrário. Eu realmente não sei o quanto eu posso te dizer sem você me socar, afinal nós nunca fomos exatamente amigos, mas sendo sincero, o tipo de sinceridade que Dan usava com você...bom, primeiro, sobre os garotos parecerem ter medo de você é até compreensível, você tem fama de durona e normalmente sai por aí socando todos que te irritam, seja homem ou mulher, você vai lá e faz, o que eu acho admirável, mas não são todas as pessoas que pensam assim e coisas desse tipo se espalham rapidamente. Todos souberem da sua briga com um dos seus irmãos lá na enfermaria. Então é normal que os caras prefiram não te irritar, principalmente você sendo melhor em socos do que a maioria deles.

Ele bebeu um pouco da vodka que Mel havia acabado de por em seu copo e continuou – quanto ao Lucas – ele observou o local onde Lucas ainda conversava com Alyssa e Leo – eu gosto dele, nunca tive problemas com ele como a maioria por aqui tem, mas como você mesma disse ele não se interessava por você como você por ele por isso penso que você descontava um pouco da sua frustração nas outras pessoas. Tenho certeza que você agora não estando mais com o Lucas vai abrir uma brecha para que as pessoas que realmente se interessam por você possam se aproximar sem temer levar um soco por sequer pensar em aborda-la.


James encerrou analisando as pessoas na festa que naquele momento pareciam um pouco mais animadas o que era estranho e para e o fazia pensar que Mel não era a única que teve a ideia de contrabandear bebida para a festa. Ele torcia para que Alyssa não percebesse isso.

Santo Deus misericórdia eu vou perder minha aposta. – James riu, Mel parecia estar bem mais ‘alta’ do que ele.

- Bem, já que você vai perder a aposta. O que eu vou ganhar? – ele sorriu malicioso, ótimo e lá estava ele flertando com Melanie, ele iria para o inferno, tinha certeza disso, se Dan não o matasse primeiro.

_________________
James Stark | Filho de Apolo | 22 anos | | Instrutor

Narração :: Falas :: Falas alheias :: "Pensamentos"
avatar
James Stark


Mensagens : 37
Data de inscrição : 05/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Melanie Howard em Qua Abr 18 2012, 21:38

- Bem, já que você vai perder a aposta. O que eu vou ganhar?

James deu um sorriso torto que fiquei alguns segundos presa em seus olhos, se fosse qualquer garoto do acampamento eu diria que ele poderia estar flertando comigo, mas James sempre levou muito a serio o assunto de ser nosso instrutor. Eu nunca ouvira falar dele com alguma campista e eu acho que nenhuma se importaria dele em suas camas acordando pela manha, eu tentei tirar a visão do meu pensamento. "Ele é um instrutor Melanie, mas velho que você! Você é apenas uma aluna." meu lado consciente gritava para que eu entendesse e aos poucos eu fui esquecendo o lado carnal que permanecia em meus pensamentos.

- Olha eu não vou cobrar pela vodka. Isso aqui parceiro é vodka da boa não se encontra em nenhum boteco de esquina não. Sendo assim você sai ganhando alguma coisa, sem contar que eu te proporcionei essa noite risadas e não esquecendo a vodka da boa.

Ele sorriu me fazendo rir com ele. Eu sabia que James me olhava como talvez uma irma mas nova, era mesmo sentimento que Alyssa sentia, eu era irmã do melhor amigo deles. Quando entrei no acampamento eu me apaguei a Dan sendo assim acabei sendo a irma mais nova de todos os amigos dele, eles achavam fofo ate mesmo meu jeito ríspido e encrenqueiro de ser. O que para mim era um desperdício se fosse olhar para James, quando começou a minha paixonite era uma coisa superficial eu achava lindo ver ele treinar, com toda aquela força e aquele poder sem ao menos perder a compostura quando lutava. E ali sentada na festa eu recordava de coisa de 5 anos atras. Não era amor não era nem se quer paixão era algo mais parecido como adoração eu não me via aos seus braços. Eu apenas arfava quando ele vinha falar comigo e eu batia em todas as garotas que falavam dele na minha frente era simples elas falavam e eu socava. Eu tinha absoluta certeza que James sabia disso. Depois com os anos passando eu criei respeito por ele, eu ainda o assistia lutar e ainda achava gracioso quando ele lutava o quão forte ele parecia mesmo sem ter braços fortes e um corpo musculoso. Mas toda adoração havia se tornado em respeito eu dava a ele o respeito que ele merecia.

- Você ta certo. Sabe eu acabei me prendendo em um relacionamento que nunca existiu. - Eu disse enquanto cutucava o canto da unha. - Eu e Lucas sempre fomos um casal superficial ele sabia que eu estaria o esperando ele sabia que eu não perguntaria com quem ele estava a minutos antes. Mas, o fim disso tudo me mostrou alguma coisa. Eu não gostava dele James, eu jamais deixaria quem eu gostasse sair com outras garotas e ele também não gostava de mim porque se gostasse apenas eu bastaria. Nós apenas nos dávamos bem. Um consolava o outro por algo que faltava. Mas acabou, eu descobri que eu não preciso de ninguém para me consolar.

Eu percebi que eu estava ali sentada contando tudo o que eu sentia em relação a Lucas para James. Em um dia normal eu não faria isso. Também não o deixaria falando sozinho como costumo fazer com garotos. Eu e James nunca havíamos trocado muitas palavras apenas as necessárias. Eu olhei para os olhos dele havia uma tristeza ali que ficava escondida de quase tudo e só agora eu pude perceber que ate mesmo quando ele sorria ela continuava pairando ali, eu senti uma vontade tão grande de aperta-lo e dizer que ficaria tudo bem.Por fim me contentei em apenas apertar seu braço apoiado nos joelhos.

- Hey vai ficar tudo bem,eu não sou nem de longe a melhor para otimismo, mas Dan esta bem e Alyssa esta superando ela precisa de você e você dela, não precisa ser hoje, nem amanha, apenas sei lá qualquer dia. Eu tenho certeza que ela estará pronta para te ouvir. Agora eu vou dar uma volta na praia porque aqui ta meio quente. Foi um prazer falar com você James, boa festa.

Eu me levantei e então o salão girou. Dei um suspiro alto. Olhei para a garrafa não havia sobrado quase nada. Me sentei de novo olhando para James ele parecia estar se divertindo com a situação.

- Não ria! - Eu disse em tom que tentava ser bravo ele sufocou o riso. - Eu acho que nessa garrafa deveria ter xixi do capeta. Sera que esses demônios vão demorar parar ir embora? - Eu disse me referindo as pessoas da festa. Minha voz agora soava um pouco desesperada, eu não queria que ninguém me visse cambaleando por ai. O que iriam dizer que eu sai bêbada da festa apos ver Lucas. Me olhos se voltaram para James. - Ninguém pode me ver assim

avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por James Stark em Qua Abr 18 2012, 23:20

- Hey vai ficar tudo bem,eu não sou nem de longe a melhor para otimismo, mas Dan esta bem e Alyssa esta superando ela precisa de você e você dela, não precisa ser hoje, nem amanha, apenas sei lá qualquer dia. Eu tenho certeza que ela estará pronta para te ouvir. Agora eu vou dar uma volta na praia porque aqui ta meio quente. Foi um prazer falar com você James, boa festa. – Mel se levantou rapidamente e cambaleou, James ameaçou levantar para segura-la, mas ela já havia sentado novamente.

Ele começou a rir e Melanie praticamente o repreendeu o que fez com que ele quisesse rir mais ainda, mas ele se conteve. - Eu acho que nessa garrafa deveria ter xixi do capeta. Sera que esses demônios vão demorar parar ir embora? Ninguém pode me ver assim.

Se alguém ali olhasse para Melanie naquele momento não teria dúvidas de que ela estava completamente bêbada, ela mal parava em pé e agora parecia estar até com dificuldade em se equilibrar sentada, o bom era que estavam todos distraídos, mas qualquer movimento para tira-la dali, todos perceberiam. James precisava pensar em algo, mas no que?

- Eu vou te tirar daqui sem que percebam a bebedeira ok, só me deixe pensar em como fazer isso. – James não sabia o que poderia distrair as pessoas da bebedeira de Melanie, eles já passaram a olhar mais vezes depois que Lucas chegou na festa, pareciam alternar os olhares de um para o outro só para não perderem nada se caso desse alguma briga ou algo desse tipo. – Pensa James, pensa. – ele olhou para Melanie que o olhava divertida e parecia prestes a rir. – Psiu, fica quieta, não chame mais atenção pra você até eu pensar no que fazer. – e foi então que ele teve uma ideia, ridícula claro, mas ainda sim uma ideia que faria com que as pessoas não falassem de Mel bêbada, pois se focariam em outra coisa, mas ainda sim ela seria o assunto da festa e principalmente do pós-festa e ele tinha a impressão de que Mel não ficaria feliz por isso. Ele não estava gostando nada de ter que mexer com a reputação da irmã de seu melhor amigo, se Dan estivesse ali, ele saberia lidar com a situação e tirar Mel dali de outra forma, mas James não tinha outra ideia.

- Ok, é o seguinte. Vão falar de você amanhã do mesmo jeito, mas não por causa da bebedeira. Se importa? – ela acenou negativamente e James suspirou, era claro que naquela situação em que ela estava ela não se importaria com nada.

Ele então se levantou pegando a garrafa de vodka e escondendo dentro do terno e se voltou para Melanie ajudando-a a se levantar. – Ok, eu vou te abraçar e quero que você faça o mesmo, finja que estamos juntos, isso vai focar a atenção deles para nós dois e não para sua bebedeira. – James a abraçou o mais intimamente possível, ele sabia que falariam deles, era difícil James aparecer em público com qualquer campista, ainda mais uma mais nova, sua aluna e com o ex dela ali ao lado. Eles seriam o assunto do dia seguinte.

Mel passou o braço por suas costas e James a trouxe um pouco mais para perto e começaram a andar em direção à porta, com James sustentando o peso de Mel para que ela não cambaleasse no caminho. Muitas cabeças se voltaram na direção deles, mas James agiu como se não visse, como se fosse apenas ele e Mel. Com Mel ele não teve essa preocupação, ela parecia tão concentrada em se segurar nele e acompanhar o ritmo de James que as pessoas provavelmente pensavam que ela estava focada em James.

James a olhou e sorriu, Mel retribuiu – estamos quase na porta, só mais um pouco – ele sussurrou para ela que começou a rir. Eles saíram porta afora e James ajudou Mel a descer as escadas e ele a guiou em direção aos chalés.


TURNO ENCERRADO

_________________
James Stark | Filho de Apolo | 22 anos | | Instrutor

Narração :: Falas :: Falas alheias :: "Pensamentos"
avatar
James Stark


Mensagens : 37
Data de inscrição : 05/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Melanie Howard em Qui Abr 19 2012, 09:51

- Pensa James, pensa. – Eu iria começar a rir ele era engraçado quando falava com ele mesmo, uma rugo se formou em sua testa. – Psiu, fica quieta, não chame mais atenção pra você até eu pensar no que fazer. - Segurei o riso olhando ao redor, coloquei os dedos no lábios imitando um xuuu...- Ok, é o seguinte. Vão falar de você amanhã do mesmo jeito, mas não por causa da bebedeira. Se importa? Eu acessei negativamente, ele se levantou guardando a garrafa. – Ok, eu vou te abraçar e quero que você faça o mesmo, finja que estamos juntos, isso vai focar a atenção deles para nós dois e não para sua bebedeira. - Eu fiz o que ele mandou, coloquei minha mão direita entre o terno e camiseta azul claro o movimento me causou arrepiou, ele pressionou mais meu corpo contra o dele. Eu estava me importando mais em seguir seus passos e não pensar em como minha cabeça girava, quando chegamos a porta eu sorri eu tinha conseguido. Ele sorriu comigo dizendo algo que de inicio eu não entendi.

Quando o vento tocou meu rosto parecia que um pouco da bebedeira estava passando.

- Obrigado, eu não sei o que eu faria sem você ali. Na verdade eu provavelmente ficaria sentada naquele sofá. - Naquele momento me arrependi de ter vindo com aquele vestido o frio parecia ter se intensificado com o cair da noite, ele ainda me carregava rumo ao meu chale, eu apertei meu corpo nele. - Hey você não vai acabar com problemas não? Eu acho que é proibido digo... Eu sei que é tudo encenação, mas amanha provavelmente o acampamento todo vai falar e você é instrutor e tudo mais. - Eu estava tagarelando, eu podia ser boa em bater ou xingar ou ate mesmo em tacar as coisas nos alvos sem ao menos mirar, mas eu era péssima quando tentava ser legal ou ate mesmo uma garota normal. Talvez fosse por isso que eu deveria ser boa em ser odiada, ser amada dava muito problema, muita dor de cabeça. - Você não vai ter problema com Quiron? E se ele te expulsarem eu sou de menor e James o meu Deus, eu te meti em encrenca.

Nos chegamos na porta do chale só então eu me lembrei que havia deixado Sammi no quarto com Gabriel. Fiz um sinal para James esperar abri a porta devagar olhando dentro estava tudo em silencio.

- Deseja entra e tomar uma xícara de chá? - Eu disse sorrindo torto para ele. E Deuses ele era tão lindo.


ENCERRADO.
avatar
Melanie Howard


Mensagens : 80
Data de inscrição : 01/08/2011
Localização : Acampamento meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Annabella Summers em Sex Abr 20 2012, 16:09

”Aleluia eu sai do chalé da Afrodite" pensei comigo mesma, só o que eu fazia era ficar lá e me isolar das pessoas, um pouco eu sabia o motivo e o outro não, as vezes nem eu me conhecia, as vezes eu pensava que eu era uma boba, que eu devia me enturmar mais com as pessoas e outras vezes, eu pensava que não era o certo a fazer. É, realmente eu era uma boba, por me isolar demais e por pensar besteira demais. Entrei no refeitório sentindo o cheiro de comida e ouvindo as vozes dos que estavam lá dentro, na verdade eu não estava com fome, só fui ali mesmo para sair um pouco daquele chalé que estava me deixando nos nervos, andei até a mesa onde estavam os alimentos como frutas e outros, peguei uma lata de refrigerante, fiquei olhando por um momento os alimentos, decidindo se eu iria comer algo ou não, resolvi que não e andei até a um banco me sentando no mesmo, olhando em volta, abrindo a latinha e tomando um gole do refrigerante, dei um suspiro olhando ao redor, vendo a decoração do refeitório da festa e olhando as pessoas ao redor, eu não estava só, tinha mais pessoas ali, óbvio, mas eu me sentia só, e sim, isso para mim era dramático, respirei fundo, e tomei outro gole de refrigerante, pensativa. Terminei de tomar o refri, e levantei-me jogando a latinha no lixo, andei até a saída pensando em fazer algo pelo acampamento, tentar me enturmar com as pessoas, falar mais com elas, manter mais contato, mas sinceramente eu não era boa em assuntos, nunca fui, mas tentar não iria me custar um dedo não é? Dei uma risadinha baixa e continuei andando até a saída.


ENCERRADO
avatar
Annabella Summers


Mensagens : 43
Data de inscrição : 28/01/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento Meio-sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Narrador em Sex Abr 20 2012, 16:50

TURNO ENCERRADO!


Novo turno iniciando-se dia 20 de Abril e encerrando em 30 de Abril.
avatar
Narrador

Mensagens : 136
Data de inscrição : 23/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Drake Caller em Seg Maio 21 2012, 18:41

Andando pelo acampamento lembrei com o episodio da Floresta junto com minha "irma".

Ela não estava nem ai pra mim e eu pensei que eu iria me dar bem com a pessoa mais obvia nessa acampamento.

Odeio ser semideus, nenhum pai liga para seus filhos, temos que enfrentar criaturas terríveis, ter pesadelos indesejáveis, as pessoas aqui dentro são umas piores que as outras, mas claro que tem as exceções, e eu queria descobrir quais.

Entrando no Refeitório o lugar estava frio, apesar do sol. Dava pra ver todas as mesas paralelas e no fundo a lareira ardia com seu fogo incessável, me sentei ao lado dela logo senti seu calor invadir meu corpo, eu pensava na Victoria, minha ex-namorada que eu deixei quando tive que vir para o acampamento.

A ultima vez que vi ela foi na escola desabando, estava presa entre as ferragens e 3 fúrias não deixavam eu ajuda-la, provavelmente ela via algum gavião ou algo do tipo por causa da nevoa.

Foi quando meu amigo Mattew me agarrou pelo braço e falou:

-Você não pode continuar aqui.

Eu lutava para ficar mas ele me tirou da escola que em seguida desabou soterrando a Victoria.

- FOI ELE - diziam as pessoas apontando pra mim - ELE E O CULPADO.

Mattew me colocou em um taxi me levando ate um parque fora da cidade. Ele dizia que me entendia, que conseguia enxergar os montros, mas ele nao era como eu, ele apenas conseguia ver oque eu via.

Chegando no Parque ele me colocou em um cavalo Alado, estilo pegasus e me disse

-Agora voce tem que seguir em frente, em breve nos encontraremos.

-Oque esta acontecendo ? E Victo...

-Voce vai entender tudo logo, Victoria se foi, eu sinto muito. Nao se preocupe, vou falar com sua mae oque esta acontecendo. Fique bem

Foi quando o cavalo levantou voo, e me trouxe ate o acampamento.

Essa memorias doem, Mattew e Victoria eram as unicas pessoas que eu confiava e agora eu estou aqui, sem ninguém, sozinho e com medo do que pode acontecer.

Nao podia me abater pelo passado, antes de tudo isso eu era muito feliz e brincalham, gostava de pregar peças nos outros e todos riam, riam quando eu ia para diretoria quando roubava alguém.

Mas hoje não sou ninguém, apenas uma pessoa que e corroída pelas lembranças. Eu mudei e pra pior com certeza
avatar
Drake Caller


Mensagens : 28
Data de inscrição : 29/03/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Katherine Monteith em Ter Maio 22 2012, 20:32

I'm getting ready ... one, two, three I'm ready to rock
Refeitório,
vestido isso:
, simpática, amigável
_Oi filho de Hermes!Pensativo, sério...Tem alguma coisa acontecendo com você!_Disse para Drake.
Sentei-me em uma das grandes mesas e bebi o meu suco, observando o que via a seguir.
Odeio ver pessoas se sentindo mal, e hoje eu estava tão bem que resolvi dar uma de boa ouvinte, eram raros os momentos em que eu fazia isso e quando eu fazia ou eu estava bem feliz ou eu estava doente, nesse caso, até onde eu sabia, eu estava simplesmente feliz a toa.
Fiquei olhando para o garoto a espera de uma resposta, ele parecia pensar e formular cuidadosamente nela, definitivamente aquele cara não estava com o mesmo estado de espírito que eu.


Notes: By Loony para GL



Última edição por Katherine Monteith em Qua Maio 23 2012, 13:33, editado 1 vez(es)
avatar
Katherine Monteith


Mensagens : 83
Data de inscrição : 20/02/2012
Idade : 22
Localização : No seu bolso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Drake Caller em Ter Maio 22 2012, 22:27

Me perdi nos meus pensamentos sem dar conta do tempo que passava. Foi quando ouvi:
-Oi filho de Hermes!Pensativo, sério...Tem alguma coisa acontecendo com você!
Olhei para tras e vi Katharine sentada em uma mesa tomando um suco.
-Oi ehh... Desculpa, nao vi voce entrando
Levantei do chao e me dirigi a mesa onde ela estava
Eu estava pensando na vida, em algumas coisas que aconteceu antes de eu vir para o acampamento
Me sentei na mesa
Voce e Katharine filha de Afrodite certo ?
Ela realmente e bonita e atraente, mas nao estava com cabeça pra isso.
Eu pensava apenas na Victoria.


Última edição por Drake Caller em Qua Maio 23 2012, 14:04, editado 1 vez(es)
avatar
Drake Caller


Mensagens : 28
Data de inscrição : 29/03/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Artemis em Qua Maio 23 2012, 00:14

Katherine e Drake os posts devem ter no MÍNIMO 10 linhas. Arrumem seus posts senão eu excluirei.

_________________
Artemis ~ Deusa da Caça ~ Moderadora




avatar
Artemis


Mensagens : 114
Data de inscrição : 21/06/2011
Localização : por aí..

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Katherine Monteith em Sex Maio 25 2012, 17:32

I'm getting ready ... one, two, three I'm ready to rock
Refeitório,
vestido isso:
, simpática, amigável
_A vida ante do acamoamento é passado! Agora, você só tem que olhar para o futuro! é só fazer como eu, tudo o que eu penso é que eu passei boa parte da minha vida sedo alguém que eu não era, alguém que não estava no lugar certo, bem...Hoje eu estou no lugar certo!_Disse para Drake.
Eu tentava esquecer toda a minha vida antes de eu chegar ao acampamento, namorados, amigas e a nojenta da minha irmã, fingir que eu nunca estive em outro lugar. Bem, eu não posso me esquecer do meu pai nunca, e talvez por isso eu ainda tenho lembranças do passado, que é na verdade bem presente, já que não faz tanto tempo assim que eu estou no acampamento.


Notes: By Loony para GL

avatar
Katherine Monteith


Mensagens : 83
Data de inscrição : 20/02/2012
Idade : 22
Localização : No seu bolso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Drake Caller em Sab Jun 09 2012, 00:40

_A vida ante do acamoamento é passado! Agora, você só tem que olhar para o futuro! é só fazer como eu, tudo o que eu penso é que eu passei boa parte da minha vida sedo alguém que eu não era, alguém que não estava no lugar certo, bem...Hoje eu estou no lugar certo!

A menina disse aquilo lembrando de alguma coisa. Como se estivesse se recordando das coisas vividas antes de chegar no acampamento

-Voce tem razao, mas nao e tão fácil... A menina que eu amo morreu por minha causa e agora esta sofrendo no mundo inferior... - lembrar daquilo me fazia muito mal - Olha, não quero mais falar sobre isso. - mudei de assunto - E então, quem é você? Filha de quem ?

Tinha cara de filha de Afrodite. Tentei sorrir mas não deu certo, continuei olhando pra ela esperando a resposta.
avatar
Drake Caller


Mensagens : 28
Data de inscrição : 29/03/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Katherine Monteith em Sab Jun 09 2012, 10:53

Katherine Monteith escreveu:
I'm getting ready ... one, two, three I'm ready to rock
Refeitório,
vestido isso:
, simpática, amigável
_Oh eu sinto muito!_Disse solidária à ele.
Sua outra pergunta me deixou indignada, não era óbvio que eu sou filha de Afrodite?
_O que você acha? Afrodite, é claro!Eu dei um pouco de sorte, sou filha da minha Deusa preferida! Eu acho que isso me fez gostar ainda mais de ser uma semideusa.
Algumas pessoas acham Afrodite a deusa mais fútil de todas, mas para mim ela é a mais importante, primeiro que ela é minha mãe, sem falar que todos os deuses são forte, guerreiros e tal, mas só ela é dona da beleza! E graças à ela eu posso dizer que sou linda!


Notes: By Loony para GL

avatar
Katherine Monteith


Mensagens : 83
Data de inscrição : 20/02/2012
Idade : 22
Localização : No seu bolso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Drake Caller em Sab Jun 09 2012, 11:32

_O que você acha? Afrodite, é claro!Eu dei um pouco de sorte, sou filha da minha Deusa preferida! Eu acho que isso me fez gostar ainda mais de ser uma semideusa.

Ser filho de Hermes nunca fez eu gostar de ser semideus. Deus dos ladroes ? O pior que eu sinto vontade de roubar os outros, isso fez eu terminar muitas amizades...queridas amizades !
Afrodite também não e uma mãe desejável, pelo menos pra mim, mas a garota gostava daquilo.

-Sou filho de Hermes... você conhece, Deus dos ladroes!

Respondi para puxar assunto, já que a garota não fazia pergunta nenhuma. Parecia uma prova que eu perguntava e ela respondia e pronto.
O clima estava frio, a lareira sacudia com o vento e eu perguntava como a garota não sentia frio ?

-Você é velha no acampamento?
avatar
Drake Caller


Mensagens : 28
Data de inscrição : 29/03/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Katherine Monteith em Seg Jun 11 2012, 14:52

I'm getting ready ... one, two, three I'm ready to rock
Refeitório,
vestido isso:
, simpática, amigável
_Depende do que você considera muito tempo, pra mim é como se eu estivesse aqui há anos, mas fazem apenas alguns meses! Não me pegunte quantos!_Respondi à sua pergunta.
_E você? Eu não lembro de te ver muito por aqui, já ouvi pessoas falando sobre você, mas talvez não frequentemos os mesmo lugares do acampamento..._Comentei após fazer a pergunta.
Senti uma lufada de vento soprando no meu rosto, senti um frio imediato, mas logo passou, desde sempre andei de shorts e sempre me acostumei a não sentir muito frio, afinal eu vivia em New York e lá era "frio" o ano inteiro, me adaptei a só usar milhões de calças quando estava nevando, e esse não era o caso do acampamento.


Notes: By Loony para GL

avatar
Katherine Monteith


Mensagens : 83
Data de inscrição : 20/02/2012
Idade : 22
Localização : No seu bolso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refeitório

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum